Aprenda a montar o melhor modelo de negócios para sua empresa

  Nenhum comentário   Gestão na Prática  
Compartilhe com amigos:

O que é: Modelo de negócio é a estruturação de como uma empresa irá conquistar o mercado e alcançar o interesse do público. Seu uso ajuda a identificar detalhadamente como a estrutura da empresa funciona. 

Por que fazer: Um modelo de negócio bem definido pode apontar locais onde ocorrerão problemas e as medidas antecipadas que podem ser tomadas para evitá-los. Como este documento explica o funcionamento do negócio, ele também pode servir como base para um estudo de aprimoramento da empresa, considerando a empresa ainda pode melhorar.

 

banner analista de modelo

O conhecimento na sociedade contemporânea é fator fundamental e a renovação de conhecimento é essencial para todo ser humano. Independente do tempo de serviço, buscar novos meio de conhecimento para seu método de trabalho é um desafio diário e determinante.

Como montar um modelo de negócio para sua empresa

Passo 1: Escolha o segmento de clientes

 

 

Screenshot-1-Avaliação-de-Segmentos

 

É normal que muitas empresas não conheçam muito dos clientes e do segmento deles. E como o cliente é a parte vital do sucesso de seu negócio, você precisa compreender as necessidades e exigências de cada segmento. Portanto, através de pesquisas de mercado e coletas de informações, você pode estruturar o segmento de clientes que você quer atingir. Caso seu negócio envolva diferentes linhas de clientes, você pode elaborar segmentos específicos para cada um dos perfis.

O segmento de clientes impacta no modelo de negócio pois pode trazer diferentes estratégias de como o público pode ser atingido, afetando o posicionamento e as táticas de venda no mercado.

Passo 2: defina o investimento inicial necessário

Tão importante quanto conhecer o segmento dos clientes é avaliar quanto será o investimento necessário para o início do negócio. Muitos empreendedores, por possuírem uma quantidade relativamente alta de capital pessoal disponível para iniciar sua empresa, acabam achando que é o suficiente para arriscarem-se no mercado.

Porém, uma projeção de todos os itens necessários para o início do negócio pode apontar o contrário. Por isso, faça um planejamento de investimento inicial, projetando todas as despesas envolvidas no lançamento do seu projeto. Além disso, esse apontamento afeta o modelo de negócios, indicando quais as áreas que necessitam de investimento, quais os pontos chave e os itens que são secundários na operação da empresa.

Passo 3: faça uma avaliação dos canais de distribuição

Avaliar os canais de comunicação para sua empresa é uma forma de medir a relação de investimento necessário em divulgação e a taxa de retorno prevista. Dependendo da situação financeira de sua empresa, alguns canais podem não compensar o direcionamento de caixa, ou simplesmente saírem caros demais.

É interessante para o modelo de negócios avaliar os canais possíveis e listar os mais interessantes pois, quando se tem a escolha ideal de canal, fica mais fácil para fazer a ponte entre o produto e o consumidor em potencial. A escolha do canal de comunicação do produto ou serviço pode fazer toda a diferença nessa hora.

Passo 4: avalie seu modelo de negócios

Depois que o modelo de negócio estiver definido, você pode avaliá-lo conforme alguns critérios de pontuação, tais como escalabilidade, originalidade, plausibilidade, capacidade de gerar receitas, sucesso e outros itens. De acordo com esses critérios, é possível definir o que pode ser melhorado e quais itens já são fortes em sua empresa.

Outras dicas para a elaboração de um modelo de negócio

Primeiramente, você deve partir de uma ideia que dará inicio ao processo do seu negócio. Em seguida, faça a análise das oportunidades do mercado. Isso permitirá entender se a sua ideia tem potencial de viabilidade econômica, se o mercado tem clientes com perfil para consumir e usufruir do serviço decorrente de sua criação. A partir daí você poderá montar seu modelo de negocio. O que, como e para quem vender, o preço justo e qual será o seu plano de marketing e projeções de receitas.

Com o plano de negócios concluído, o empreendedor terá uma visão ampla que fará com que você identifique a necessidade e a quantidade de recursos para financiar o empreendimento (como funcionários, dinheiro e infraestrutura, por exemplo). Assim, com os dados em mãos, você poderá se dedicar à gestão da empresa.

banner livro

Dicas para a gestão de recursos humanos da empresa:

  • Projete custos, despesas e receitas.
  • Crie planilhas dos demonstrativos financeiros.
  • Faça as análises através dos índices de retorno sobre o investimento,
  • Revise e todos os passos e por fim, tire a conclusão do plano de fechamento do modelo.

Melhorando a empresa à partir do modelo de negócios

Quando o negócio estiver em operação, possivelmente irá surgir novas ideias e novos desafios, que caberá ao empreendedor revisar e atualizar o plano de negócios Assim, garantindo que a execução ocorra de forma adequada e que atinja os objetivos almejados.

Viu como montar e atualizar o modelo de negócio é importante? A LUZ criou a Planilha Canvas de Modelos de Negócios que ajudará você nesta tarefa! Adquira já essas ferramentas e veja seu negócio decolar!

Compartilhe com amigos:

Inscreva-se e receba o conteúdo semanal
que realmente importa

Experimente! É grátis e, se não gostar, basta cancelar o envio com 1 clique.
 

Deixe seu comentário aqui

Buscar no Blog LUZ

Digite abaixo…

×
Receba a sua dose semanal de conhecimento grátis
×
[optin_monster_id]
[optin_monster_id]
[email]
[email]
[opt_in]
[opt_in]
[opt_in]
[opt_in]