Como usar Depreciação no seu Estudo de Viabilidade

3
2081

O que é: A depreciação, que também pode ser chamada de desvalorização, é a perda de valor dos ativos imobilizados, como por exemplo máquinas, veículos, móveis, imóveis ou instalações. A princípio, a única coisa que você precisa entender disso é que ao longo do tempo, esses itens que você adquiriu vão perdendo valor e essa perda é analisada e utilizada pela contabilidade da sua empresa para, periodicamente, reduzir esse valor até ele chegar a zero.

Por que usar: Em tese, quando o valor do seu ativo imobilizado chega a zero, você precisa adquirir um novo. Não preciso nem falar o quanto isso é importante para uma planilha de estudo de viabilidade econômica né?! Basicamente, além de fazer projeções de gastos com investimento e despesas e fazer previsões de receitas, você precisa entender quando necessitará fazer novos investimentos em máquinas, veículos e outros ativos imobilizados, pois isso afeta diretamente o seu resultado ao longo do tempo.

Planilha de Estudo de Viabilidade Econômica

1. Analisando a depreciação dos seus ativos imobilizados

Qualquer bem imobilizado que você adquire (com algumas exceções que mostramos ao final desse post) será depreciado e é bem importante que você entenda isso em um estudo de viabilidade econômica, pois você não pode perder de vista que poderá ter esse gasto no futuro.

Na nossa planilha de Estudo de Viabilidade Econômica, você define a taxa de depreciação do seu investimento imobilizado, para que o cenário projetado seja calculado automaticamente levando isso em consideração.

Custo fixo - eve 3.0

2. Visualizando a depreciação no seu resultado projetado

Embora a depreciação não seja um passivo financeiro propriamente dito, já que você não está tendo um prejuízo (em dinheiro) maior em determinado mês, ele precisa ser calculado. Nesse momento faz total sentido você analisar separadamente o seu EBITDA (Earnings before interest, taxes, depreciation and amortization) do seu lucro líquido. Assim você conseguirá ter uma visão do seu lucro ou prejuízo do final do mês levando em conta essa depreciação e outra visão sem levar em conta essa mesma depreciação.

resultado projetado - eve 3.0

3. Principais itens que sofrem Depreciação

  1. Automóveis para transporte de mercadoria ou para 10 ou mais passageiros, motocicletas e tratores (25% ao ano)
  2. Automóveis para transporte de menos que 10 passageiros, reboques (20% ao ano)
  3. Aeronaves, aviões, helicópteros, balões e pára-quedas (10% ao ano)
  4. Animais vivos – espécie bovina, suína, cavalar, ovina e caprina (20% ao ano)
  5. Animais vivos – espécies de aves – galinha, ganso, pato (50% ao ano)
  6. Barcos de pesca e outras embarcações (5% ao ano)
  7. Maquinários (entre 20% e 25%)
  8. Para ver uma tabela completa, entre aqui

4. Bens não depreciáveis

  1. Terrenos ( a não ser em casos de obras e construções)
  2. Prédios ou construções não alugados e nem utilizados pelo proprietário
  3. Bens que aumentam de valor com o tempo, como obras de arte

Apesar de passar muitas vezes em branco, a depreciação pode influenciar (e muito) o seu estudo de viabilidade. Nós temos uma planilha de Estudo de Viabilidade Econômica que leva em consideração esse aspecto e muitos outros. Veja o post explicando mais dela aqui.

Planilha de Estudo de Viabilidade Econômica

COMPARTILHAR
Artigo anteriorComo Transformar Valores no Excel de Real para Dólar, Euro ou Kwanza
Próximo artigo5 dicas para agilizar seus trabalhos no Excel
Rafael Ávila
Administrador e turismólogo, apaixonado pelas possibilidades que o Excel dá para gestores, empreendedores e estudantes. É sócio diretor da área de planilhas na LUZ - Planilhas Empresariais (luz.vc) e é o responsável pelo desenvolvimento das mais de 150 planilhas com foco empresarial e pessoal comercializadas em seu site. Também ministra os cursos online de Excel (cursos.luz.vc) e gosta de ajudar milhares de planilheiros por meio do Fórum e Blog da LUZ.

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome