Feedback. Quando? Como? Pra quê?

0
200
Feedback. Quando? Como? Pra quê?

O fim do ano se aproxima e chega a hora de falar de feedback.

O termo feedback é utilizado em teorias da Administração, quando é dado um parecer sobre uma pessoa ou grupo de pessoas na realização de um trabalho com o intuito de avaliar o seu desempenho. É uma ação que revela os pontos positivos e negativos do trabalho executado tendo em vista a melhoria do mesmo.

Com dar um feedback negativo ou positivo? Você lida bem com isso?

Feedback. Quando? Como? Pra quê?

Você está preparado? O quê? Você acha que não tem que se preparar?

De modo simples, dar um feedback é apenas dizer ao seu colaborador como foi o desempenho dele ao longo do tempo; ressaltar o que era esperado e como foi, de fato, executado.

Feedback. Quando? Como? Pra quê?As empresas costumam estipular o período do fim do ano para as avaliações de desempenho, um momento em que os gestores param, refletem sobre os desafios propostos ao longo do ano e ressaltam o que cada um atingiu. Neste momento são avaliados critérios técnicos e comportamentais. Cada um deles é importante, às vezes uns mais que outros, dependendo do segmento.

Do modo mais imparcial possível, procure analisar item a item do que foi proposto no formulário de avaliação em relação ao seu subordinado; permita-se afastar de questões emocionais para avaliá-lo de modo profissional. Fácil? Quem disse?! Não mesmo, mas sua responsabilidade como gestor é contribuir para sua evolução profissional, não esqueça.

Feedback. Quando? Como? Pra quê?

Então, pontue (vale anotar) ao longo do ano onde ele se desenvolveu bem, na verdade, acima do que você esperava; mas pontue também e principalmente onde ele deve melhorar; é ai que mora a oportunidade real dele evoluir.

Feedback. Quando? Como? Pra quê?

Para quê devo investir no feedback?

Porque somente assim seu time estará mais alinhado ao que você deseja, de acordo com a estratégia da empresa. Não considere que isso é perda de tempo, ou tarefa imposta pelo RH. Acredite que o feedback é uma oportunidade rara, às vezes única no ano, de você pensar sobre aquela pessoa e seu desenvolvimento, consequentemente no SEU desenvolvimento enquanto líder, gestor, coach daquela equipe.

Feedback. Quando? Como? Pra quê?

Como vai o desempenho dele(s)? Bom? Então você tem méritos por isso. Não tão bom? Então, igualmente, você é co-responsavel por isso. Como você se comunica? Ele e os demais entendem o que é preciso fazer? Você fala com clareza? Mantém-se disponível para ajudá-los? Contribui de fato para que superem os obstáculos enfrentados? Briga por eles no enfrentamento com outras áreas?

Não tenha medo deste momento. Procure aprender com ele; leia sobre o assunto, prepare-se emocionalmente para encontrar seus liderados, seja honesto com eles e seja sincero com você mesmo.

Fale sobre ações e atitudes tomadas, não sobre a personalidade de cada um, não leve para o pessoal, evite o “você foi” e busque o “você agiu de forma”, afinal o que você pretende é fazer com que ele repense e aprimore algumas atitudes. Mantenha o tom profissional, demonstre que eles fazem parte do seu time, transmita confiança principalmente quando mencionar os itens que tem a melhorar; diga que está (e esteja de fato) ao lado deles.

Feedback. Quando? Como? Pra quê?O gestor neste momento tem que ser um pouco pai, um tanto psicólogo e tutor do liderado. Ele, por sua vez, é um tanto filho em busca de aprovação.

É um momento delicado, isso é fato. Você não é o dono da razão e eles não são suas crianças, são adultos, em muitos casos chefes de família e à vezes até mesmo tem mais idade que você. Por isso, esteja preparado para uma conversa produtiva, mas que pode ter pitadas de emoção. E se o colaborador chorar? E se no dia, um deles estiver com sérios problemas familiares e lhe apresentar isso? Entendeu porque você deve previamente se preparar?

Ahh, o momento do feedback é também uma oportunidade de se aproximar e de conhecer um pouco mais a vida daquelas pessoas que convivem como você na empresa.

Mas o feedback não precisa e não deve ser dado apenas no final do ano. É importante que, conforme surjam as situações e oportunidades, o gestor tenha um tempo para tratar destas questões individualmente, ou se for o caso, com o grupo, promovendo um feedback coletivo. Promover encontros no almoço, bate papos informais podem ser ideais.

Se você ainda resiste a esta prática, compreenda que para uma gestão mais eficaz, a comunicação, o feedback, são ferramentas essenciais às corporações e seus lideres.

Então, prepare-se.

Siga em frente.

Boa sorte!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorCódigo de Conduta: O que é e como usar
Próximo artigoDicas para montar uma boa equipe.
Marcia Damasceno
Venho ao longo dos anos me reinventando, superando desafios e colaborando para o sucesso de alguns projetos, principalmente na área de serviços. Acredito que as oportunidades devem ser aproveitadas e que nos manter em movimento e em busca de conhecimento é um bom modo de viver. Com formação em Estatistica, Administração e Marketing, me identifiquei com o Blog e decidi compartilhar aqui um pouco das informações adquiridas nestas ultimas décadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome