Primeiro emprego: o desafio de integrar profissionais inexperientes à equipe

4
181
A primeira experiência profissional

Por que contratar alguém inexperiente?

Um gestor tem uma vaga a ser preenchida, sabe que cada pessoa de sua equipe gera valor para a empresa. Algumas geram um valor maior, outras menos, mas ele sabe qual média é aceitável. Por questões de custos, muitas vezes são procurados profissionais que buscam sua primeira experiência, que aceitam salários menores; às vezes isso ocorre devido à cultura empresarial, preferem alguém que não traga os chamados vícios de lugares por onde passaram; e começa o processo seletivo. O líder tem um objetivo: recompor a equipe e, dentro de um prazo estimado, conseguir que o recém chegado ao time também comece a gerar valor!

Durante o processo seletivo, o ideal é o gestor ter a oportunidade de entrevistar alguns candidatos, após seleção prévia do RH. Ele dará a palavra final nesta escolha, uma vez que aquela pessoa irá integrar seu grupo. Muitas empresas ainda não procedem desta forma. Simplesmente apresentam ao gestor seu novo colaborador, após concluída sua admissão e esperam que tudo dê certo.

A importância do gestor na contratação

Passada esta fase, de escolha do candidato, ele finalmente inicia na empresa: e agora? Pois é aí que o desafio realmente começa, e, por incrível que pareça, não só para o jovem iniciante, como também para a equipe que o receberá e seu líder. Um bom gestor deve investir algum tempo pensando na melhor forma de ambientar o profissional. Definir quem deverá acompanhá-lo nos primeiros dias, principalmente se a empresa for pequena e não tiver estrutura para um período e local exclusivos para treinamento. As normas deverão ser apresentadas e estar claras desde o início. Parece óbvio, mas muitas vezes não é o que acontece. Isso poderá trazer desgastes que seriam facilmente evitados.

Quem tem mais experiência neste relacionamento, no caso, a empresa e o gestor, devem estar preparados para lidar com inseguranças iniciais, questionamentos, excesso de autoconfiança e arrojamento que podem ser intempestivos e terão que ser contornados, paciência, engajamento e equilíbrio.

Em alguns casos, percebemos que após a contratação, o jovem profissional é alocado num setor, tem uma breve orientação sobre o que deve desenvolver e é praticamente deixado sem qualquer acompanhamento. Caso a rotina do gestor seja muito atribulada e ele não dedique algum tempo na observação deste jovem, certamente isso será percebido no retrabalho de algumas tarefas por ele executadas, no tempo – possivelmente maior – que ele começará a gerar valor, ou, na pior das hipóteses, a falta de treinamento, acolhimento e acompanhamento irão gerar frustração e possivelmente seu desligamento e consequentemente a reabertura do processo de seleção.

Invista um tempo para conhecer quem acabou de contratar

Quem é o jovem que busca sua primeira experiência profissional? Ele pode ser alguém com baixa escolarização, mas compatível com o cargo oferecido; com pouca educação – no âmbito da civilidade/cordialidade; interessado em aprender; muito tecnológico; resistente e pouco disciplinado; criativo; etc.

Este jovem não tem referências de outras empresas para serem consultadas, ele é uma tela em branco da vida profissional, o que não significa que ele seja uma tela em branco no relacionamento interpessoal, na sua visão de grupo, em sua ética e valores, suas preferências e costumes. Por mais que a entrevista seja bem feita e outras dinâmicas no processo seletivo possam dar elementos favoráveis à sua contratação, essas características e atributos irão se apresentar ao longo do tempo, conforme as situações forem surgindo no dia a dia da equipe. Por tudo isso, o primeiro emprego é um desafio para ambos; contratante e contratado e sua eficácia será maior tanto quanto maior for a dedicação e atenção na fase inicial. Se você é gestor e ainda não tem perfil de coach, lembre que nunca é tarde para desenvolvê-lo.

Siga em frente.

Boa sorte!

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome