Como proteger os dados de logística e gestão de uma empresa?

0
426
Planilhas Prontas em Excel

A proteção dos dados de logística e gestão é muito importante para uma empresa e isso se dá por diversos motivos. Dentre eles estão a segurança das informações pessoais e privadas, a justa concorrência e a necessidade de se evitar ataques externos.

Isso se dá em relação a todas as informações que a empresa utiliza, sejam elas externas (clientes, fornecedores etc.) ou internas (colaboradores, sócios, contas da empresa, estrutura, estratégias e forma de produção).

Assim, dentre esses dados estão os de logística, bem como os de gestão dela dentro de uma empresa. Essa é uma área que trabalha com todas as demais e que, para isso, demanda informações. Elas devem, então, ser protegidas. Continue lendo para ver algumas dicas de como fazê-lo.

Como proteger os dados da sua empresa?

Como proteger os dados de logística e gestão de uma empresa? 1

A proteção dos dados de logística e gestão da sua empresa, bem como das demais informações, aceita diversos tipos de estratégias e ferramentas. Portanto, existem alternativas diversificadas para que se garanta a segurança de dados.

Veja abaixo quais são as principais delas e garanta o sigilo dos seus processos e dados por meio da ampliação da proteção deles.

Sempre use VPN

A nossa primeira dica é bastante simples, mas faz toda a diferença na proteção de dados sigilosos. Ela corresponde ao uso de uma VPN ou Rede Privada Virtual. Com ela, você garante uma rede privada de comunicações dentro de uma rede pública. Algumas VPNs são especializadas em desktops, enquanto outras em dispositivos móveis.

Busque instalar uma VPN recomendada para Android, se você utiliza mais o celular do que seu computador. VPNs confiáveis oferecem uma variedade de recursos de proteção de privacidade, principalmente quando falamos de dados importantes de logística e gestão, como:

  • Ferramentas que impedem interceptação do sinal;
  • Proteção contra vírus e spyware;
  • Registros de informações.

Analise todas as ferramentas

Outro ponto importante para que você mantenha a devida proteção sobre os dados de logística e gestão da sua empresa demanda uma análise dos sistemas e programas que você usa.

Embora possa ser bastante tentador, não saia baixando qualquer programa ou colocando dados pessoais e da empresa em qualquer tipo de site ou software. É interessante manter contato constante com a equipe de TI. 

Assim é possível certificar-se antes da instalação e uso de um programa de que ele é seguro e compatível com a tarefa que se pretende realizar a partir do seu uso.

Controle o acesso aos dados pelos colaboradores

Em terceiro lugar, não deixe de colocar em prática o controle de acesso aos dados pelos colaboradores. Com isso, você pode garantir o acompanhamento de quais dados estão sendo alvo de acessos, quando isso ocorre e qual a utilização das informações.

Portanto, mantenha esse controle, o que evita vazamentos que podem ou não ser intencionais. Além disso, imponha barreiras de acesso aos colaboradores que não necessitam de certos dados.

Por exemplo, não há motivos para que um colaborador do RH tenha acesso aos dados de logística e de gestão. Por outro lado, quem trabalha com compras de materiais e matérias primas, distribuição, entrega e produção, precisa ter esse acesso.

Mantenha os programas e drives sempre devidamente atualizados

Como proteger os dados de logística e gestão de uma empresa? 2

O quarto ponto que ressaltamos na busca pelo aumento da proteção dos dados da sua empresa é a manutenção dos programas e drivers sempre atualizados. Não raro há postergação dessas atualizações e isso não é benéfico à segurança.

As atualizações geralmente vêm carregadas de novos sistemas de segurança. Esses, por sua vez, surgem para contornar alguma brecha existente anteriormente ou, então, para evitar ataques por meio de novas formas de invasão de informações.

Portanto, lembre-se de sempre manter os programas devidamente atualizados para garantir a proteção dos dados de logística e de gestão. Da mesma maneira, lembre-se de orientar os colaboradores para que façam o mesmo.

Não use programas piratas

Essa é uma dica que sempre deve ser levada em conta, independentemente do tipo de informação que se usa e se deseja resguardar ou do uso profissional ou pessoal das tecnologias.

Evitar o uso de programas piratas é necessário para aumentar a segurança dos dados. Note que ao fazer uso de um software falsificado você não tem garantias de proteção e, muito menos, acesso às atualizações de segurança.

Por outro lado, quando adquire um produto original ele não apenas apresenta garantia como também atualizações de sistema com mudanças e reforços à segurança do uso e dos dados compartilhados com uso do software.

Dessa forma, lembre-se de que ao final o investimento em programas originais vale a pena e garanta o seu sossego, sem maiores preocupações quanto às brechas que o programa pirata pode ter. 

Desenvolva um programa de políticas internas

O último ponto que ressaltamos para que você garanta a proteção dos dados de logística e gestão da sua empresa é o desenvolvimento de um programa de políticas internas. E o que é isso? Nada mais do que uma espécie de manual com regras.

Essas normas, então, direcionam o colaborador para a melhor forma de usar certos sistemas, dados e programas. Da mesma maneira, demonstram o que não deve ser feito, quais são os protocolos de segurança e como segui-los.

A partir de tudo isso a empresa garante que os colaboradores foram orientados para o melhor uso das tecnologias ao mesmo tempo em que deixa à disposição deles as normas para análise em eventual dúvida.

Outro fator importante das políticas de regras internas para proteção dos dados de logística e gestão é que ela oficializa as normas da empresa. Comprova, então, que o colaborador sabe exatamente o que deve ser feito e quais atos são contraindicados.

Igualmente, as normas internas podem conter previsões quanto à punição ao seu desrespeito. Assim, ao conceder as regras aos colaboradores, a empresa os deixa ciente das normas e do que pode ocorrer em caso de desrespeito, como demissão por justa causa ou punições menores de acordo com a gravidade do ato.

Por que proteger esses dados?

Agora que você já sabe diversas formas de manter a segurança dos dados de logística e gestão, cabe também saber o porquê fazê-lo. E para isso existem diversos motivos. Em primeiro lugar, está a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados).

Ela entrou em vigor ainda em 2020 e estabeleceu uma série de normas para o uso e compartilhamento de dados. Assim, estabelece punições às empresas que não fizerem o devido tratamento ou, então, que deixem informações alheias serem vazadas.

Quanto a isso, considere que os dados de logística contêm diversas informações. Dentre elas estão aquelas sobre a gestão e a produção. Também, de fórmulas e estratégias de venda, divulgação ou mesmo da criação de um novo produto.

Ainda, esses dados incluem endereços não apenas de colaboradores, mas de clientes da empresa. Da mesma maneira, conta com informações sobre trajetos de distribuição e outros tipos que podem ser um prato cheio nas mãos erradas.

Não suficiente, esses dados delicados que possuem proteção por lei própria também podem cair nas mãos de criminosos como hackers. O uso deles é diverso, como venda de informação privilegiada, ataque aos sistemas ou até mesmo chantagens.

Por isso, não deixe de seguir nossas dicas para manter a proteção dos dados de logística e de gestão. Com elas você mantém a segurança das informações e, de quebra, garante o cumprimento às leis e o sigilo das suas operações.

Veja outros artigos interessantes sobre gestão:

 

Planilhas Prontas em Excel

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome