Como Fazer a SWOT Cruzada

2
15455
O que é SWOT Cruzada e como usa-la como ferramenta estrategica

A SWOT Cruzada é uma derivação da análise SWOT, na qual os fatores são combinados buscando potencialização (quando ambos são positivos ou negativos) entre eles ou anulação (quando um é positivo e outro negativo).

Voltar para:
O que é e como fazer planejamento estratégico?
O que é e como fazer uma Análise SWOT (FOFA)?

Nesse artigo falaremos sobre:

SWOT Cruzada

Ao analisarmos como as Forças e Fraquezas de uma análise SWOT estão influenciando a chance de suas Oportunidades ou Ameaças acontecerem, estamos realizando a SWOT cruzada. Esse cruzamento pode ser um dos principais determinantes de quais planos de ação serão desenvolvidos para colocar na prática suas estratégias.

Análise SWOT - planilha - consultoria estratégica

Para realizar a SWOT Cruzada é importante que, primeiro, você tenha todos os seus principais fatores já elencados. Isso significa que é preciso ter todas as suas forças, fraquezas, oportunidades e ameaças já listadas. Com isso, será possível analisar como os fatores internos influenciam as chances dosfatores externos de se concretizarem. Vamos ver 4 tipos de estratégia que podem ser desenvolvidas de acordo com o cruzamento dos quadrantes na nossa planilha de Análise SWOT:

1. Estratégia Ofensiva: Pontos Fortes x Oportunidades (SO)

As estratégias ofensivas ocorrem quando você analisa o quanto uma força ajuda na possibilidade de um oportunidade acontecer. De maneira geral, essa é uma estratégia que visa o crescimento e o desenvolvimento de uma fator positivo do seu negócio. Vamos ver um primeiro exemplo de como fizemos esse cruzamento na nossa planilha de Análise SWOT 3.5:

Exemplo: Empresa de Turismo

  • Pontos Fortes: Marca reconhecida no mercado internacional
  • Oportunidades: Realização da Copa do Mundo e Olimpíadas no Brasil

matriz swot cruzada - estrategia ofensiva

Agora que conhecemos dois fatores (uma força que influencia em uma oportunidade), podemos pensar em estratégias ofensivas para fazer com que essa chance de melhorar a realidade do nosso negócio aconteçam de fato. No nosso exemplo, pensei no seguinte:

  • Estratégia: Investir em parcerias com agências e operadoras internacionais para conseguir mais clientes

Dessa forma, a partir do cruzamento da análise SWOT conseguimos chegar em estratégias mais direcionadas para melhorar a realidade do ambiente que traçamos.

Análise SWOT: o método que irá salvar suas reuniões

2. Estratégia de Confronto: Pontos Fortes x Ameaças (ST)

Do cruzamento dos pontos fortes com as ameaças surgem as estratégias de confronto. Aqui você vai pensar em como as forças do seu negócio podem minimizar a chance das ameaças ocorrer.

Exemplo: Empresa produtora soja

  • Pontos Fortes: Tecnologia de Ponta, qualidade de produto e produção em larga escala
  • Ameaças: Aumento expressivo do dólar pode encarecer insumos e sementes

Essa é a área da planilha de Análise SWOT 3.5 onde você pode fazer o cruzamento dessas informações e dados:

matriz swot cruzada - estrategia de confronto

Mais uma vez você vai procurar entender como as suas forças impactam as ameaças que o seu negócio pode enfrentar no futuro. A partir desse entendimento, é importante que sejam desenvolvidas estratégias de confronto com essa realidade. No nosso caso, cheguei nessa diretriz:

  • Estratégia: Criar uma área de exportações (uma vez que o aumento do dólar “barateia” o produto para consumidores de fora e o produto tem qualidade para competir internacionalmente)

700x200_guia_rápido_analise_swot

3. Estratégia de Reforço: Pontos Fracos x Oportunidades (WO)

A estratégia de reforço surge sempre que você precisa pensar em como diminuir os impactos que uma fraqueza do seu negócio tem diminuindo a chance de uma oportunidade ocorrer. As ações adotadas devem reforçar suas fraquezas para que elas não atrapalhem no seu ambiente externo.

Exemplo: Industria de injeção de peças em PVC

  • Pontos Fracos: Logística deficitária
  • Oportunidades: Mercado de revenda de peças plásticas em alta

matriz swot cruzada - estrategia de reforco

Sabendo que você tem um mercado consumidor em alta e que pode aproveitá-lo, mas que a área logística do seu negócio não está funcionando da melhor maneira possível, o caminho é pensar em soluções alternativas, como a listada abaixo

  • Estratégia: Contratação de empresas terceirizadas de transporte e aluguel de veículos.

Dessa forma, você aumenta a chance de aproveitamento da oportunidade de vendas para o mercado de revenda.

Análise SWOT: o método que irá salvar suas reuniões

4. Estratégia de Defesa : Pontos Fracos x Ameaças (WT)

Por fim, o último tipo de estratégia é a defensiva, onde você vai estar no cenário mais crítico e que tem como objetivo minimizar perdas e impactos negativos que as fraquezas e ameaças podem causar na sua empresa. A ideia aqui é pensar em como minimizar a chance de uma fraqueza fazer com que uma ameaça se torne realidade.

Exemplo: Empresa de artesanato

  • Pontos Fracos: Não consegue atender a demanda por baixa capacidade produtiva
  • Ameaças: Aumento de fabricas que produzem artigos em larga escala.

matriz swot cruzada - estrategia defensiva

A lógica não é muito complicada, se você pensa em um ponto negativo e existe uma ameaça grande que pode ser impactada por ele, precisa pensar em estratégias para se livrar dessa situação.

  • Estratégia: Adoção de maquinário e personalização de produtos para criar nichos de mercado, fugindo do mercado consumidor padrão.

SWOT Cruzada na prática

Agora que você entendeu os 4 tipos de estratégia que podem surgir da SWOT cruzada, vale a pena tangibilizar cada uma delas em planos de ação e usar uma planilha de análise SWOT para realizar o controle dessas diretrizes.

2 COMENTÁRIOS

  1. Muito bacana o conteúdo, foi muito útil em minha pesquisa! 🙂
    Parabéns e obrigada!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome