Como Montar um Açougue

0
255
Como montar um açougue?

Nosso país produz um grande volume de carnes, que são destinadas ao próprio consumo interno, quanto para os países dos arredores do mundo.

O açougue é um estabelecimento comercial, que vende diversos tipos de alimentos perecíveis. Dentre os inúmeros itens que o negócio oferece, destacamos os principais:

  • Carne bovina: Proveniente do gado bovino, mais conhecia como carne vermelha, é a mais consumida mundialmente.
  • Carne suína: também entre as mais consumidas, esta carne é fornecida pelo porco doméstico, sendo também muito ofertada e muito utilizada no preparo e fabricação de linguiça e salsichas.
  • Carne de frango: Produto advindo do grupo aviário, como as galinhas. Mais conhecida como carne branca, muito consumida pelas pessoas que buscam um estilo de vida mais saudável, sendo que seu alto consumo é devido ao seu baixo preço e a facilidade de aquisição.
  • Linguiças e salsichas: São embutidos, geralmente produzidos á base de carne de porco, aves, carne bovina, e especiarias. As mesmas são vendidas frescas ou após processo de defumação.

Vantagens e Desvantagens

Como montar um açougue?

Existem diversas vantagens em se ter um açougue. É um ramo com muita demanda, pelo fato de ser o local onde se encontra a maior parte dos acompanhamentos para as refeições das pessoas, ou seja, não falta cliente. Quando se vende itens frescos e de qualidade, aliados a um bom atendimento, pode facilmente fidelizar a clientela, e aumentar seu lucro. De acordo com o site g1 da Globo, no ano de 2015 houve um aumento maior do que 15% no preço das carnes embaladas nos supermercados, aumento esse que fez com que o consumidor recorresse aos açougues, pelo fato de o mesmo ter preço mais competitivo. Com isso garantiram o alimento em sua mesa, sem ter que se submeter ao aumento de preço expressivo.

A vantagem de ter um açougue é poder oferecer itens mais frescos do que um açougue de supermercado. Geralmente a carne é desossada no próprio açougue quando chega do fornecedor, e já é exposta no balcão para o consumidor. Na maioria dos grandes supermercados a carne já vem desossada, o que garante um tempo de vida útil menor, e embora embalada devidamente com alguns conservantes, quase sempre fica dias transitando para chegar a um supermercado, e só então ir para área de vendas, com um prazo de validade menor, pois o mesmo já está expirando.

Todo tipo de negócio a ser iniciado tem suas vantagens e desvantagens. As desvantagens diminuem à medida que se identifica o que pode resultar em prejuízos e já se trabalha com ações para saná-las, ou ainda minimizá-las.

Uma das desvantagens de se montar um açougue é a questão da data de vencimento dos perecíveis. Por ser um ramo que trabalha com alimentos com menor tempo de vida útil, deve-se ter atenção redobrada quando o assunto é data de validade. Há de se ter uma rotatividade constante dos produtos, para que se venda todo o estoque em tempo hábil e evite perdas.

Desafio de Mercado

Como montar um açougue?

A concorrência aqui é acirradíssima. Por ser um comércio menor, embora especializado, ele conta com menor estoque disponível em relação a açougue de supermercados que tem um estoque gigante, variedades infinitas, diversas formas de exposição, embalagens, etc.

Nesse caso o açougue deve estar cada vez mais elaborado, investir em melhorias físicas fazendo vendas casadas, agregando itens ligados diretamente ao consumo fim. No caso de churrasco pode-se aliar itens como o carvão, sal grosso, tábuas, facas e garfos próprios. E, ainda garantindo preço competitivo, oferecendo produtos de excelente qualidade aliado ao bom atendimento, com toda certeza será uma alternativa a considerar quando o cliente pensar em carnes.

Há de se ter cuidado extremo ao calcular os gastos, pensando sempre em redução dos custos no processo de compra, produção e venda, para aplicar preços bons sem que para isso seja necessário sacrificar sua margem de lucro, lembrando que o resultado financeiro seja ele lucro ou prejuízo será reflexo de toda a gestão inicial.

Capital inicial estimado

O capital inicial necessário para se abrir um açougue vai variar de acordo com o tamanho da loja a que se pretende abrir. Caso o empresário já tenha um ambiente próprio, o investimento inicial ficará em torno de R$45.000,00, caso não o tenha e precise locar, esse valor pode subir para até R$90.000,00, somando-se os gastos com reformas do local (segundo o SEBRAE). Deve-se colocar na ponta do lápis os gastos com estrutura, equipamentos, contratação de pessoal, documentos para legalização perante os órgãos fiscalizadores, estoque inicial, propagandas e capital de giro (recurso financeiro utilizado para apoiar as oscilações de caixa)

Como abrir um açougue

Como montar um açougue?

Uma das etapas mais importantes inicialmente para se montar um açougue, é o planejamento.

Há de se definir estrategicamente o local onde será construído, o nome pelo qual o açougue ficará conhecido e relacionar tudo o que vai precisar.

Fazer pesquisas de preço para investir em maquinários próprios, fatiadores, balanças, freezers, balcões, sistema de gestão de caixa, prateleiras e gôndolas.

Tenha em mente que para ter resultados e para ser conhecido terá que investir em propaganda, onde deve ser verificado o melhor meio para alcançar o público desejado.

Fazer levantamento para identificar os melhores fornecedores, melhores condições e opções de compra.

Conhecer o negócio por um todo, analisar a concorrência, avaliando seu comportamento para ter diferencial.

Se adequar perante as legislações e exigências municipais, estaduais e à ANVISA (Agência nacional de vigilância sanitária) para se trabalhar legalmente no mercado.

Localização

O fator localização é determinante para o sucesso das vendas. Devem-se priorizar os grandes centros, com grande fluxo de veículos e pessoas.

O cliente deve ter a facilidade de enxergar a loja ao se movimentar. Pontos próximos a terminais urbanos, bancos, parques, supermercados, bairros com bastantes residências são excelentes escolhas para fixar seu negócio.

Produtos

Para garantir estoque para um comércio de açougue, deve-se atentar a prazos fornecidos entre o pedido de compra e a entrega dos produtos, tomando o cuidado para não ficar sem reposição. Os itens essenciais que um açougue deve conter em sua lista para garantir uma boa clientela, basicamente são:

  • Carnes bovinas: sendo carne de primeira (mais macia e com baixo teor de gordura), carne de segunda (mais dura e com maior teor de gordura).
  • Aves: frango inteiro, peito de frango, filé de frango, coxas e sobrecoxas, asas e cortes em geral.
  • Embutidos: Linguiças, salsichas, salames, mortadelas, etc.
  • Miúdos: moela, coração, fígado, pé, etc.
  • Itens para churrasco: carvão, sal grosso, tábuas para cortar carne, espetos, molhos para churrasco, churrasqueiras portáteis e afins.

Estrutura e equipamentos do estabelecimento

Em uma visão geral, a estrutura de um açougue é composta por:

  • Balcão de atendimento, onde inicialmente o cliente realiza seu pedido.
  • Balcões refrigerados para exposição e adequação das carnes e embutidos, onde é possível visualizar antes de adquiri-las.
  • Balança para pesar as carnes e embutidos.
  • Prateleiras e gôndolas onde ficarão os produtos e itens de complementação para churrasco.
  • Geladeira com porta de vidro, caso o estabelecimento ofereça bebidas para vendas.
  • Caixa, PDV (ponto de venda), onde serão registrados e recebidos os valores referentes às vendas.

Na área interna, onde o cliente não tem acesso, existem bancadas recomendadas para cortes e desossas e também câmara fria para mantimento de estoque.

Principais fornecedores

Como montar um açougue?

Hoje em dia, os açougues podem contar com infinitas opções acerca de fornecedores para se reabastecer, optando pelo melhor, nos quesitos preço, prazo e qualidade de produto fornecido, tendo o cuidado de adquirir produtos devidamente certificados pelo MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), órgão responsável pelo sistema de controle SIF (Serviço de Inspeção Federal) que tem como principal atividade avaliar a qualidade na produção de alimentos de origem animal.

Para abastecer os estoques aos redores do mundo, os açougues têm como principais fornecedores de carnes bovinas, aves e embutidos os frigoríficos e granjas locais, e até mesmo os maiores e mais conhecidos nomes como a Jbs, Mondelli, Perdigão, Seara e ademais.

Os demais, não menos importantes fornecedores, são os fabricantes de churrasqueiras, de refrigerantes, as indústrias de carvão e afins.

Como abrir uma empresa

Confira os procedimentos básicos para começar a trabalhar de maneira legal, emitindo notas fiscais:

  • Elaboração de contrato social, contendo visto de um advogado.
  • Registro na junta comercial do estado ou no cartório de pessoa jurídica, apresentando contrato social e documentos pessoais dos respectivos sócios.
  • Escolha de atividade e emissão de CNPJ.
  • Alvará de funcionamento da prefeitura do município.
  • Alvará do corpo de bombeiros que avalia o grau de risco da edificação.
  • Cadastro da empresa na previdência social.
  • Solicitação de autorização para impressão de nota fiscal junto a SEFAZ (Secretaria da fazenda).

Dicas Especiais para Novos Negócios

Quando ouvimos falar em abrir uma empresa, é tudo muito prático em nossas mentes. Embora hoje em dia tudo esteja bem mais próximo e mais facilitado devido ás altas tecnologias, além da parte burocrática referente à documentação exigida para se estabelecer como empresa, existe também o desafio de conseguir se lançar ou não, de fato no mercado. Contudo, ainda é possível se organizar para traçar objetivos, rumo ao sucesso.

Defina um cliente (segmento) bem específico

O importante é definir de forma clara e objetiva o seu público alvo. Isso garante foco e especialização em determinado ramo.

Trocando em miúdos: vale mais ser especialista em uma só atividade e garantir sucesso oferecendo o melhor serviço, o melhor produto (uma vez em que se dedicando a uma atividade ou serviço, a tendência é virar “expert” no assunto), do que, ser meia-boca em diversos setores ou atividades, (uma vez que terá menos tempo para cada uma das atividades).

Precificação específica

Esse processo é importantíssimo para a empresa, pois ajuda a maximizar a capacidade de produção da sua empresa, garantindo que a mesma flua com uma maior segurança de faturamento.

Confira nossa área de especialização que explica sobre a precificação dos produtos.

Estudo de viabilidade econômica

Utilizado para medir e verificar, se um determinado investimento é viável ou não, a empresa deverá comparar os retornos que poderão ser alcançados com os investimentos aplicados. 

Planilhas para açougue

Planilha de gestão e controle de estoque

Realize o cadastro de produtos e fornecedores, controlando as entradas e saídas de estoque, realizando a gestão de todo o estoque em tempo real.

Planilha de formação de preço para revenda

Contém toda a estrutura necessária para os revendedores de produtos. Fácil de controlar suas compras e visualizar a margem de lucro de cada produto vendido.

Planilha de planejamento estratégico

Com essa planilha você terá foco total no seu negócio e acompanhará o andamento do seu plano estratégico. Obtenha também automaticamente os relatórios de sucesso do plano em ação.

Planilha de controle de estoque, clientes, fornecedores

Contempla controle de estoque, clientes, fornecedores, usuários, orçamentos, gráficos e geração de recibos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome