Quais as habilidades necessárias para ser um gerente de sucesso?

0
55
Planilhas Prontas em Excel

Para executar a função de gerente com excelência, é fundamental desenvolver algumas habilidades, em termos de conhecimento técnico e pessoal.

Frente a um mercado altamente competitivo é necessário ter diferenciais para o destaque  profissional, e se você chegou a um cargo de liderança, certamente, é porque supera as expectativas de seus superiores.

No entanto, é importante destacarmos aqui como as exigências sobre um gestor são bem diferentes do que sobre o restante da equipe, já que, além do seu desempenho pessoal, passa a ser responsável pelos resultados de toda uma equipe.

Nesse artigo abordaremos as habilidades necessárias para manter o bom relacionamento com todos os colaboradores, bem como para ser respeitado enquanto tomador de decisões.

Independentemente do segmento ou do porte da empresa que você atua, seja no tradicional B2C com a venda de desinfetante bactericida direto ao consumidor final, ou no complexo Business to Business, todos os pontos que abordaremos são válidos.

Conheça as competências de um gerente

Muitas pessoas associam cargos de liderança com ordens. Mas ao se encontrar nessa posição, aprendemos que tomar decisões e delegar tarefas é só a ponta do iceberg. Podemos dividir as competências cabíveis a um gestor em:

  • Planejamento;
  • Organização;
  • Liderança;
  • Controle.

Dessa forma, um gerente do setor de contabilidade para ong de uma determinada organização, para citarmos um exemplo prático, precisa conhecer a fundo a empresa e seus pilares básicos: sua missão, visão e os valores, e partilhar disso.

Além disso, é responsável pelas estratégias e implementações no que tangem a rotina operacional e tática do negócio, assim como sua liderança e monitoramento.

Podemos apontar como desafios centrais que permeiam essa posição, ser um exemplo para seus subordinados, inspirando-os e, principalmente, mantendo a motivação e o comprometimento da equipe.

Para manter o controle e o respeito dos colaboradores, também é essencial ter empatia com a realidade e os desafios que enfrentam. Falaremos mais sobre esses pontos adiante.

Características e ações de liderança

Cargos de liderança e de gestão de pessoas demandam algumas características intrínsecas à personalidade, como ser observador, possuir raciocínio lógico e estratégico, ser enérgico e ter uma boa oratória.

É fundamental saber se expressar de forma clara, assertiva e persuasiva, mostrando coesão e segurança ao apresentar fatos e/ou ideias. Assim, as habilidades relativas à comunicação interpessoal também são essenciais.

Essas são as características que compõem o perfil básico para ser o gerente de uma empresa de sucesso, como uma consultoria de TI para pequenas empresas.

A seguir pontuamos 7 dicas sobre habilidades e abordagens que vão auxiliá-lo para se posicionar e ser reconhecido como um gestor de sucesso, causar uma boa impressão e ganhar a confiança de sua equipe. Continue lendo e confira:

Tenha ética profissional e pessoal 

O primeiro ponto, essencial para garantir o respeito de todos, é ser uma pessoa que preza pela ética, independentemente da situação: mantenha uma conduta coerente com todos os parâmetros legais e éticos que permeiam sua profissão. 

E isso não se restringe ao profissional, uma vez que está relacionado diretamente com seus posicionamentos pessoais.

Dessa forma, princípios como transparência, equidade, educação e respeito ao próximo formam seu valor enquanto ser humano, assim como será visto pelos outros em seu ambiente de trabalho, como em uma beneficiadora de ração para gado.

Vigie suas ações e, em qualquer hipótese, sempre que houver algum problema, como insatisfação ou desconfiança, saiba pontuar e compartilhar suas observações, cuidando para não expor ou constranger os colaboradores.

Tenha muito cuidado com mal entendidos, afinal, evitá-los está implícito nas competências de um gerente. Esclareça dúvidas e oriente, de forma muito clara, sobre qualquer situação que venha ocorrer. 

Aconselhamos censurar, assim que for identificada, qualquer ação de funcionários no sentido de iniciar fofocas ou criar intrigas, independentemente de quem sejam os envolvidos.

Motive e inspire

Para que um gestor mantenha o engajamento da equipe, precisa se posicionar como exemplo e inspiração para a evolução de todos na equipe. 

Cuidado para não se colocar em uma posição autoritária e isolada. Bons resultados vêm de líderes que caminham lado a lado com seu time, reconhecendo as potencialidades de cada um, e motivando-os a vê-las, valorizá-las e desenvolvê-las.

É preciso ter capacidade de tomar decisões rápidas

Um gerente precisa ter alta capacidade analítica para responder rápido e assertivamente às diversas situações que ocorrerão ao longo do dia, e serão muitas, sejam elas mais ou menos críticas.

É preciso saber lidar com a pressão constante no cotidiano de um empreendimento altamente rentável, como um fabricante de gorro cirúrgico e demais produtos para assepsia médica, por exemplo. 

Além disso, a gestão de crises também é uma habilidade muito importante. Mostre-se sempre eficiente, respondendo rapidamente aos subordinados, conforme as dinâmicas e demandas diárias.

Ser ágil com suas respostas depende de uma visão estratégica do negócio, da capacidade de prever situações e se antecipar a elas. Jamais aja com indiferença a uma demanda e trate a todos com igualdade.

E atenção: ser firme em suas decisões não é sinônimo de ser teimoso. Pelo contrário, é preciso ter uma personalidade adaptável. Saiba reconhecer erros, assim como o potencial de ideias inovadoras. 

Seja um mentor

Posicionar-se como uma figura de liderança, mais que grandes poderes, traz grandes responsabilidades, não só com a empresa, mas com todos os profissionais que dependem e se espelham em você.

Dessa forma, é papel de um bom gerente de vendas de uma organização reconhecida, como um fabricante de dispenser de ração, auxiliar no desenvolvimento profissional de todos os seus subordinados.

Ao usarmos o termo “mentor” queremos destacar a importância de uma postura que instigue a equipe a agir de forma independente e coerente, e seguir o caminho para evoluir em sua carreira na empresa. 

Divida suas experiências profissionais, faça dinâmicas, indique bons livros, filmes e cursos online para a capacitação de todos. E isso não é relevante apenas para a organização, que se beneficia da qualidade técnica de funcionários, do aumento da produtividade e do lucro. 

É significativo, principalmente, para a formação dessas pessoas enquanto profissionais, auxiliando-as a atingir seus objetivos e sonhos.

Tenha sensibilidade e empatia

Nesse ponto de nossa conversa, é muito importante pontuar a necessidade de reconhecer, identificar e compreender as dificuldades dos funcionários. Por exemplo, um vendedor que não se sente seguro para promover um determinado produto, como cesta de supermercado

Isso pode ocorrer por diferentes razões, como a falta de conhecimento sobre as soluções da empresa ou em sua atuação como vendedor, e é seu papel fornecer todas as ferramentas para isso ser solucionado.

Também é preciso ter consciência da heterogeneidade da equipe, respeitar e valorizar isso. Assim, você pode identificar como lidar com cada membro, não só em relação aos subordinados, mas a todos os stakeholders, como fornecedores, sócios ou investidores.

Peça e dê feedbacks

Complementando o item anterior, a humildade ao pedir feedbacks de seus subordinados e escutá-los com atenção, é a forma de descobrir o que, onde e como você pode melhorar ainda mais.

Um bom profissional não tem o que temer quando se coloca sob avaliação e, apesar de todos amarmos receber elogios, é com as críticas que evoluímos.

E a mesma humildade, assim como sensibilidade, empatia e sinceridade, devem se fazer presentes na hora de dar o seu feedback a eles.

É importante apontar os erros e melhorias, mas, da mesma forma, também deve reconhecer os esforços, o alcance de metas e as melhorias que já ocorreram. 

Elogiar as pessoas em público e chamar a atenção em particular, são ações simples e podem ter um ótimo efeito.

Aprimore-se e invista em sua qualificação 

Um gerente precisa ser empreendedor, e um empreendedor sabe que há sempre algo mais a ser aprendido, uma habilidade a ser desenvolvida ou uma possibilidade que não está sendo vista.

No mundo dos negócios é fundamental ter consciência que sempre há algo que pode ser melhorado. Busque sempre se aprimorar como profissional e como membro da sociedade.

Então, mantenha-se continuamente buscando uma reciclagem do que já sabe, afinal, vivemos na era da informação, mudanças e novidades acontecem a todo momento. 

Invista em sua qualificação e experiência, em cursos de MBA, pós-graduação, certificações ou em novos idiomas. Seja reconhecido pelo seu esforço. 

Considerações finais

Cada vez mais as organizações precisam se manter ativas e altamente competitivas no mercado. 

Com o objetivo de guiar os colaboradores para atingir metas e garantir a rentabilidade, a figura do gerente se destaca como uma peça importante para o funcionamento da empresa, como em uma distribuidora de guia de corda.

Após essa leitura, certamente você estará melhor orientado sobre as habilidades necessárias para garantir o sucesso de sua atuação. Aconselhamos fazer uma auto-análise, refletindo sobre quais são seus pontos fortes, e quais podem ser melhor trabalhados. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Planilhas Prontas em Excel

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome