4 Planilhas para Você Montar sua Tabela de Preços

14
1705
Montar Tabela de Preços

Quanto vale o seu produto? Quanto os clientes estão dispostos a pagar? E os concorrentes, o que estão cobrando? Essas e muitas outras dúvidas rondam a cabeça do gestor no dia a dia do seu negócio quando ele pensa em como calcular o preço de venda de seus produtos ou serviços! Sentimos que podemos estar perdendo oportunidades ou por cobrar pouco ou por cobrar muito e a insegurança é constante.

Na nossa experiência ajudando centenas de empresas descobrimos que essas inseguranças estão pouco relacionadas ao resultado em si do negócio, mas sim em um carência de um método seguro para embasar essa decisão. Por isso mesmo, montamos ao longo do tempo diversas planilhas de precificação com métodos específicos. Neste post, falaremos dos 4 principais métodos, mas você pode ver também todas as planilhas de formação de preços da LUZ.

1) Planilha de Precificação de Serviços

planilha de formação de preços para serviços

O setor de serviços é disparado o maior dentro do nosso pais e a natureza da sua precificação é a mais delicada de todos, pois trata uma oferta intangível e todas as dificuldades advindas disso. Se você é uma empresa de serviços, não deixe de ver nossa planilha ou conhecer mais do método utilizado neste post.

2) Planilha de Precificação para Revenda

planilha de preços para revenda

Essa é uma planilha para precificar produtos do comércio, ou seja, aqueles que você está revendendo. Caso precise precificar produtos de produção própria, veja mais sobre precificação de produtos.

3) Planilha de Precificação para Mensalidades

planilha de formação de preços para mensalidades

Na verdade, esse é um sub-grupo da precificação para serviços, mas essa planilha é focada em pagamentos recorrentes como é comum em cursos, escolas, faculdades, etc.

4) Planilha de Precificação para Projetos

planilha de precificacao para projetos

Novamente, projetos é um sub-grupo dentro do grande grupo de serviços, porém também é bastante específico em relação à prestação comum de serviços pontuais, pois, tipicamente, é feito por etapas com orçamentos e recursos específicos.

Você realiza a sua precificação de maneira diferente? Gostaria de dicas sobre como formar o preço de seu produto ou serviço? Deixe seu comentário!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorMetodologia de Formação de Preço para Comércio
Próximo artigo5 Planilhas de Gestão Empresarial que você PRECISA ter
Leandro Borges

Leandro começou a vida profissional prestando consultorias centenas de pequenas empresas em todo o Brasil e foi professor em instituições como SEBRAE, Vale, Souza Cruz, FIRJAN, COPPE e FGV. Hoje, é encantado pelas facilidades que o Excel traz para a gestão empresarial e quer levar essa maravilha para o Brasil e o Mundo!

14 COMENTÁRIOS

  1. Tenho uma planilha com vários dados (em linhas), mas na coluna seguinte quero deixar apenas duas informações que correspondem a todos os dados das linhas da coluna anterior. Como fazer que isso fique visível na planilha? Não posso mesclar, porque os dados são diferentes e causaria confusão.Grato,

    • Oi Fabio,

      não consegui visualizar o tipo de informação a que você se refere. Pode mandar uma imagem da sua planilha?

      Pensando rapidamente e sem entender completamente, eu juntaria as colunas 1 e 2 utilizando a função CONCATENAR, mas para não ficar confuso, separar os textos com um hífen.

      Exemplo: se você tem escrito o produto na primeira coluna e a localidade na segunda, teria essa coluna escrito algo como Produto 1 – RJ. Para isso é só colocar a função =CONCATENAR(A1;” – “;A2)

  2. boa noite caros amigos, estou precisando fazer uma formula que busque a informação em uma célula e conforme o código encontrado ela retorne um valor conforme a terminação do código.
    tenho os códigos 1107401RL / 1107501BB / 1107601CR / 1107701EN e 1108501RT (coluna A) na coluna B o valor em real(R$) e na coluna C o resultado; toda vez que a formula achar a terminação “#######RL” ele multiplique por 100 metros e na condição #######CR ele busque a informação no código conforme a quantidade estabelecida para a linha de produtos assim, no código correspondente ao produto A a metragem é 1500 metros no produto B a quantidade é 800 metro .

    exemplo> 1100701RL = R$ 2,00 x 100 = R$200,00 e no caso do outro código quando aparecer 1107601CR R$ 3,00 x 300 = R$ 900,00.

    no caso da terminação CR conforme o tamanho do produto ele pode ter de 300 a 2000 metros.

    • Oi Ricardo, tudo bom? Vamos por partes que é possível de fazer, mas vai te dar um pequeno trabalho

      1 – para sempre identificar os 2 últimos caracteres dos seus códigos, crie uma coluna extra (coluna D) com a função DIREITA e use o número de 2 caracteres. Assim, você vai ter uma célula só te informando se o final é RL, BB, CR ou RT

      2 – Depois disso, crie uma outra coluna auxiliar (coluna E) para esse valor multiplicado. Em tese seria só criar SE dentro de SE para colocar todos os argumentos. Algo como SE(D1=RL;100;SE(D1=RT;x;SE … e assim por diante

      3 – como você tem possibilidades diferentes para cada um dos códigos e alguns podem variar dependendo do produto, acredito que você precise criar uma tabela auxiliar para ajudar na função aqui de cima, provavelmente usando PROCV para encontrar o resultado do produto

      Depois é só multiplicar a coluna B pela coluna E que vai ter o resultado desejado

  3. Boa tarde! eu tenho duas planilhas aki e gostaria de fazer com que elas se interagissem transferindo um valor de uma para outra automaticamente. na planilha 1 temos mais 12 abas referente aos meses do ano e em cada aba eu relaciono o dia, o código de cada item e o valor de todas as saídas e todas as entradas. Ai pelo códigos dos itens eu queria centralizar o valor total de cada código individualmente em uma outra planilha. Como posso fazer isso?

    • Oi Avelino,

      acredito que você possa usar um SOMASE buscando o código como condição e somando a coluna de valores da outra planilha para a que você quer referenciar.

  4. Amigos, tenho duas planilhas juntas certo? Plan1 e Plan2. Na plan1 eu tenho uma lista de produtos com informações de preço de custo e etc.. Quero fazer na plan2 um orçamento, mas quero que as informações que estão nas colunas de Produto, código e valor com quantidade 1 ou mais sejam transferidas automaticamente para o orçamento, mas sem as outras informações. Como faço?

  5. Muito show esses exemplos. Já finalizei outra idéia que sua página me apresentou. Mas preciso de uma para uma planilha que estou literalmente apanhando.
    Vendo espaços em GB, então de 1 a 10 é um valor, de 11 a 20 é outro valor … até aqui consegui, mas quando coloco de 21 a 30 … desanda.

    Então eu tenho as seguintes informações:
    ColunaA/linha6 o valor 1, colunaB/linha6 o valor 10 e colunaC/linha6 o valor de R$ 0,10
    ColunaA/linha7 o valor 11, colunaB/linha7 o valor 20 e colunaC/linha7 o valor de R$ 0,15
    ColunaA/linha8 o valor 21, colunaB/linha8 o valor 30 e colunaC/linha8 o valor de R$ 0,12
    ColunaA/linha9 o valor 31, colunaB/linha9 o valor 40 e colunaC/linha9 o valor de R$ 0,10 … e assim vai …

    Em outra célula, tenho o campo para digitar a capacidade desejada e no campo abaixo me diz o valor segundo a fórmula a seguir que eu fiz:

    =SE(H7=B6;H7*C6+D6;SE(H7=B7;H7*C7))

    Campo D6 é o valor de uma licença de R$ 20,00 que é fixa para todos.

    Nessa fórmula se eu digito de 1 a 10, funciona. Se eu digitar 11, lasca tudo!

    • Oi Eduardo, nesse caso você vai precisar usar a PROCV. Supondo que o valor de 1 a 40 esteja escrito na célula A1, a função ficaria algo como

      =PROCV(A1;B6:C9;2;verdadeiro)

      lembrando que se a sua matriz tiver mais valores, ao invés de B6:C9, deverá usar B6:Cx, onde x é o número da última linha

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome