Como abrir arquivo XML no Excel

14
11837
Como abrir arquivo XML

Um arquivo no formato XML é um documento com dados organizados de forma hierárquica. Como você pode ver na imagem acima, ele já vem todo organizado e é muito útil para armazenar dados de forma simples, porém a edição destes dados diretamente no arquivo XML é uma tarefa difícil e pouco produtiva para quem não está familiarizado com a linguagem.

Por isso, acredito que o Excel é uma ferramenta útil para realizar esse trabalho de forma ágil e simples. Neste post irei demonstrar os passos para importar e editar um arquivo XML para o Excel, afim de aproveitar ao máximo esta funcionalidade para realizar seu trabalho e poupar tempo.

Curso de Excel

Como abrir arquivo XML no Excel

  1. Com o Excel iniciado, clique no menu Arquivo e depois clique em Abrir. Caso queira também pode realizar esta ação com o atalho Ctrl + O;
  2. Na nova janela que se abre, vá até a pasta onde se encontra o arquivo com a extensão .xml, selecione o arquivo e clique no botão Abrir. Veja a figura abaixo:

Como Importar e Editar um Arquivo XML para o Excel

Selecionando dados do arquivo XML

  1. Ao abrir o arquivo, será exibida uma janela de diálogo, mas não se preocupe, o Excel apresenta três formas para abrir e começar a trabalhar com seu arquivo. Vejamos o que cada uma delas realiza:

Como Importar e Editar um Arquivo XML para o Excel

– Como uma tabela XML: Ideal para abrir o arquivo direto com todas as colunas que ele possui e suas informações.

– Como pasta de trabalho somente leitura: Como o próprio nome diz, esta função serve apenas para leitura, ou seja, visualizar o arquivo sem funções avançadas de filtro ou edição.

– Usar painel de tarefas Código-fonte XML: Esta opção realiza a leitura e mapeamento de todos os campos do arquivo e exibe um painel para que possam ser selecionados e adicionados.

  1. Irei utilizar a opção Usar painel de tarefas Código-fonte XML para demonstração, pois as outras já exibem o arquivo por completo e esta permite selecionar quais campos você irá adicionar ao Excel, então marque esta opção e clique em Ok. Após a confirmação, você verá um painel à direita com o mapeamento de todos os campos do arquivo XML, semelhante à figura abaixo:

Como Importar e Editar um Arquivo XML para o Excel

  1. Agora que você pode ver todos os campos do arquivo XML, basicamente pode selecionar o nó principal do arquivo e arrastar para a célula A1 ou outra célula de sua escolha. Todos os campos serão adicionados ao documento, um após o outro. Veja na figura abaixo:

Como Importar e Editar um Arquivo XML para o Excel

Caso você queira apenas campos específicos para realizar o seu trabalho, basta selecionar o campo e arrasta-lo para a célula desejada. Repita essa ação para os outros campos que quiser adicionar, notando que os campos já adicionados ficam marcados em negrito. Na figura abaixo eu optei por selecionar apenas os três primeiros campos:

Como Importar e Editar um Arquivo XML para o Excel

  1. Agora que os campos foram selecionados, ocorreu apenas a seleção do mapeamento desejado. Será necessário importar os dados do arquivo XML, que serão inseridos com base nos campos adicionados. Então selecione uma célula qualquer que esteja uma linha abaixo dos campos adicionados. Então selecione com o botão direito do mouse e posicione o mouse sobre XML. Aparecerá um sub-menu, então clique em Importar. Veja o exemplo abaixo:

Como Importar e Editar um Arquivo XML para o Excel

  1. Na janela exibida selecione o mesmo arquivo XML e clique em Importar. Veja figura abaixo:

Como Importar e Editar um Arquivo XML para o Excel

  1. Assim todas as informações do arquivo XML estarão disponíveis para trabalho no Excel. Cada campo que foi arrastado se tornou um cabeçalho e possui opções de filtro para que você possa explorar e visualizar as informações contidas no documento.

Curso de Excel

Viu como é simples a importação de um arquivo XML para o Excel? Normalmente arquivos XML contêm muitos dados e o Excel é uma ferramenta perfeita para visualizar, editar e salvar informações contidas neste arquivo. Siga essas dicas e tenha um ótimo trabalho!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorComo fazer a precificação de um projeto de consultoria em 10 passos
Próximo artigoO que é holerite e qual a sua importância?
Rafael Ávila
Administrador e turismólogo, apaixonado pelas possibilidades que o Excel dá para gestores, empreendedores e estudantes. É sócio diretor da área de planilhas na LUZ - Planilhas Empresariais (luz.vc) e é o responsável pelo desenvolvimento das mais de 150 planilhas com foco empresarial e pessoal comercializadas em seu site. Também ministra os cursos online de Excel (cursos.luz.vc) e gosta de ajudar milhares de planilheiros por meio do Fórum e Blog da LUZ.

14 COMENTÁRIOS

  1. Rafel;

    Parabens !! muito obrigado !! Agilizou e muito o meu servico.

    Gostaria de lhe fazer uma pergunta so !!

    Estou trabalhando com clinica, e baixei os arquivos mensais em XML que me é permitido, no convenio nao da opção de baixar um determinado periodo (ex:01/01/2017 a 30/12/2017)em um arquivo só, tem de ser mensal (portanto sao 12 arquivos); agora estou convertendo um a um para conciliar tudo numa planilha só!

    Pergunta: Tem como converter varios arquivos de uma vez só?

    Espero ter sido claro, como vc foi na explicação de como converter.

    de qualquer jeito muito obrigado .

  2. Boa Tarde Rafael,
    Estou tentando conversão de um arquivo XLSX para XML no padrão dos portais imobiliários tipo VivaReal.
    A empresa InGaia onde eu tenho meus Imóveis fornece apenas em XLSX.
    Desde então já tentei alguns conversores como por exemplo o Zamzar e outros mas a empresa para quem estou migrando os imóveis diz que não está no padrão dos portais tipo VivaReal.
    Você tem alguma dica onde posso fazer esta conversão ?

    • Oi Clayton, eu não sei que padrões são esses. Talvez seja melhor buscar o suporte da VivaReal para te ajudar a ajustar os arquivos especificamente para o sistema deles.

  3. Olá Rafael, grato pelo retorno.
    Então…. o meu circuito foi até agora … primeiro pedi InGaia e não fornecem o xml … depois pedi ajuda ao ImobiBrasil para onde estou migrando e só repetem que precisam no formato VivaReal… então tente com VivaReal e aí disseram que agora quem gera o xml é o InGaia voltei no InGaia e disseram que por contrato bla bla bla… Ou seja sinuca de bico.
    Na sexta feira o ImobiBrasil enviou por email um exemplo do formato VivaReal.
    Vou colocar a seguir … se conseguir algo … perfeito … senão te agradeço de antemão !
    ==> Exemplo XML formato padrão VivaReal … link fornecido pelo ImobiBrasil
    https://www.imobibrasil.com.br/integracao_xml.php

  4. Olá Rafael, tudo bem?
    Adorei sua dica com a relação a forma de abrir arquivos em XMl para o Excel.
    Fiz os testes e usei a opção de copiar “como uma tabela xml”, o que funcionou para o que preciso. Estou fazendo um trabalho com notas fiscais emitidas, mas sugiu um problema: Quando eu faço o processo em nota que tem apenas um produto cadastrado não funciona muito bem, ao invés de vir apenas aquele produto cadastrado na nf, ele duplica aparentemente sem razão. E quando eu faço com notas com um ou mais de produtos os dados vem corretos. O que pode ser?
    Me ajude por favor.
    Obrigada.

    • Oi Odete, eu não sei dizer o que pode ser, mas se realmente não conseguir resolver, talvez faça sentido criar alguma forma de remover essas duplicatas

  5. Olá Rafael, tudo bom? O artigo ajudou bastante porém ainda estou com uma dúvida. Ao abrir um arquivo XML para editar no Excel (no caso estou usando Excel Professional 2010) consigo visualiza-lo em formato de tabela porém ao editar os campos e tentar salvar como um novo arquivo XML todo o padrão do XML é perdido.

    Exemplo:

    (ARQUIVO ERA ASSIM)

    1
    (US) Accomplishment with the 30 days term to repair products

    2
    (US) Closing of Authorized Technical Assistance Centers

    (ARQUIVO FICOU ASSIM APÓS EDITA-LO NO EXCEL)
    M nØ6çÉ?È8/¶7‡é¤” »PþÆïÁàÑIœò*ŽÚSN4eÖÂGH—v½BNµ -Lñïb™+I9;#ÛÄ9ðÀ™¬F[ÁAÊÅÖ«J܆L ŠŒâL÷?ƒhÀiÍFq? ┼£7qP
    «5?Ý;’%&bn*f©¬SQ…âqœõ²€œwÜÀÉŠÜŸ.‰[aáCùëu» _{ó¿~’¹~ô`ÏîÄlJ¤mQvā¿¾]˜Sî0û²Qû0r
    ‘ó‰:C“ð˜pK~Æ:’oî¢äåd
    ‘0kÎ ¾Ç..웆-ˆ|›
    (Uš¤Z<$Ò(…s¨æíaœŒóBÛˆhò¸©þ§¯Œ(;ž
    \c*ŠäQJ†…ƒ* Q FuPµ2¸Ucñ¬íax«FküßØ·\Ðâº<¡Ò s#Íú”òá:”zç‡ÖÛŒr«‡.#³(*’Õç²öôdrk6qkm‚ÉœÍçÝü€ðàE’±ÏG³âXv†Ïîì”Z Úw;áh1בæJuŠÅ°¯5/¢]Zý.›ëm–fs5^Ô”*3ÙJfe›œ×¶ßYL®¶/VûÛM– ZüD ühAɐ©·Ö1Pg ËDì\]US?·÷—¢”d>±¥øS#\úcŠš.ŒèrÜnÂï áü9ß·¦ÿ21¹‹T`ûÓ‡y \û’ ÍÅðýQ}Ž»ƒ†’ýÿ8`is§¾æ|TPî>§5Ò°%aæ|^§‚^ºFÉÃlôkÛŽcŸÄºÏ>%ŒxÏ 8³å;$¦àÌ›„#(4ø%Ð÷ẃc…]0Öw=OhÛ¿YI”W|[3¾ùy°C#qg¬ø”q6‡† û³ çqè^¡ê/¾Á:}}°+°ƒVd¸û§ï%1ZP,H¹Í¨Íú2ˆ±2½9%Ä×cEU¬Ã]M­Ú¼Ñ9@»I— á}un=ÌÞ¸$·oå€òqãa‹%®œóc}À …ç¸lˆ iº¡·1ZÌM«iÆU´ m…µ¿ššvWJ|‹´‚ípô|Oå?2ÓGÓ$36áÙ”(ƒ~ÓTIú2­~銪bjðvP³EÅ”6_1’ãÕ¾LGæÄ(Bä¨y§Ñ#]Ç(­ç€ùwa`æ‘ÙËj=Í4ÍŸñÈō”M¯×ç èU üú€\
    _7Wå@’ÎJŸrÚ8›‹±’Åû¥

    O arquivo continua sendo um XML e no Excel abre perfeitamente. Porém ao abri-lo em um editor de texto como bloco de notas ou Note Pad++ o XML está totalmente adulterado.

    Você tem alguma ideia do que poderia ser?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome