Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Sumário

O Excel é um programa notável pela sua versatilidade, oferecendo aos usuários uma série de ferramentas e recursos em diferentes níveis de complexidade. Dentre as várias opções interessantes para a construção de gráficos e tabelas dinâmicas, se destacam os controles de formulário, como as caixas de combinações, os botões de opções e as barras de rolagem, que serão abordadas neste texto. Esse recurso pode ser de grande valia, especialmente se o usuário estiver trabalhando com uma tabela que possui um grande volume de informações, já que permite que os dados sejam visualizados alternadamente com facilidade.

Curso de Gráficos Avançados no Excel

Inserindo uma barra de rolagem na planilha

Para inserir uma barra de rolagem, bem como qualquer controle de formulário, em uma planilha, é obrigatório que a guia “Desenvolvedor” seja exibida, o que não ocorre por padrão. Para isso, é preciso acessar o menu “Arquivo” e clicar em “Opções”. Na caixa suspensa que se abre, deve-se clicar em “Personalizar faixa de opções”, habilitando a guia desejada na lista que aparecerá no lado direito da tela. Seguidos esses passos, a guia “Desenvolvedor” estará visível entre as opções disponíveis.

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Curso de Gráficos Avançados no Excel

Ao clicar em “Inserir”, o usuário encontrará uma série de controles de formulários e outra de controles ActiveX. No primeiro grupo, deverá ser escolhida a barra de rolagem. Em caso de dúvida, basta posicionar o cursor sobre os botões existentes para que seus respectivos nomes sejam exibidos. A barra então será “desenhada” na planilha, no tamanho desejado, como ocorre com uma caixa de texto, por exemplo.

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Curso de Gráficos Avançados no Excel

Trabalhando com a barra de rolagem

Para trabalhar com a barra de rolagem, vamos utilizar uma tabela já existente na planilha. Primeiramente, é preciso formatar a ferramenta inserida. Assim, após clicar com o botão direito no objeto, escolhe-se “Formatar controle” e, na opção “Vínculo de célula”, é indicada a célula escolhida para esse fim. Tendo o número 0 como ponto de partida, cada vez que a barra for movimentada, o valor numérico será alterado. É possível definir o valor máximo, que deverá ser igual à quantidade de itens da tabela.

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

A fim de fazer com que a barra de rolagem trabalhe com os dados da tabela, vamos inicialmente copiar o cabeçalho para outro ponto da planilha. Na célula inferior ao item que servirá de referência para a rolagem (“PAÍS”, no exemplo), será utilizada a função “ÍNDICE”, cuja sintaxe é “=ÍNDICE(matriz; núm_linha; [núm_coluna])”, onde a matriz será a tabela inteira (exceto o cabeçalho) e o número de linha a célula na qual está vinculada a barra de rolagem. É importante lembrar que todos os parâmetros da fórmula devem ser travados.

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Curso de Gráficos Avançados no Excel

O número da coluna será definido através da função “CORRESP”, “CORRESP(valor_procurado; matriz_procurada; [tipo_correspondência]). O valor procurado relaciona-se à célula sob a qual está se inserindo a fórmula (lembrando que no exemplo seu conteúdo é “PAÍS”) e a matriz procurada ao cabeçalho da tabela original, e também deve ser travada. Finalmente, o tipo de correspondência deve ser igual a 0 – “Correspondência exata”.

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Curso de Gráficos Avançados no Excel

Para que a tabela funcione corretamente, basta agora puxar a referência para as demais colunas, nesse caso, abaixo dos tipos de medalha. Com a barra de rolagem pronta para funcionar, é só inserir um gráfico (selecionando a tabela que foi criada por último, onde foi inserida a função) e formatá-lo da maneira que preferir, posicionando a barra de rolagem ao lado ou abaixo. Esse controle de formulário pode ser criado tanto na vertical como na horizontal e para alterar seu tamanho ou direção, é só clicar com o botão direito nele, posicionar o cursor em uma das extremidades (ou no meio, caso a intenção seja ajeitar a largura) e arrastar.

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

Criando gráficos dinâmicos com barra de rolagem

A utilização da barra de rolagem oferece um grande leque de possibilidades para o usuário do Excel, permitindo que itens de uma planilha sejam visualizados de forma individual em gráficos dinâmicos, entre várias outras alternativas que podem ser criadas dependendo das funções aplicadas.

E você, como utiliza os controles de formulário? Conte-nos sua experiência e aproveite para conhecer mais sobre as ferramentas do Excel em nosso blog.

Curso de Gráficos Avançados no Excel

ARTIGOS MAIS RECENTES