6 indicadores financeiros que você não conhece e podem antecipar seus problemas

0
979

Nesse artigo falaremos sobre:

Porque nem sempre é fácil calcular indicadores econômico financeiros

Eu não conheço um gestor que não queira ter mais informações de como está a saúde financeira do seu negócio. O problema é que nem sempre essas pessoas sabem quais são os cálculos necessários para chegar nos principais indicadores financeiros e, por conta disso, acabam se contentando em visualizar apenas receitas e despesas mesmo.

Planilha de Avaliação Economico Financeira

Essa visão um pouco míope e limitada costuma acontecer, porque muitos gestores não chegaram a ter contato com os principais conceitos de gestão financeira e também porque tem alguns cálculos que são chatinhos de se fazer.

Obviamente que dependendo do tamanho do seu negócio, pode ser que um ou mais indicadores financeiros não sejam tão importantes, mas de toda forma, acredito que seja importante conhecer cada um deles para caso seja necessário ter um entendimento mais aprofundado da parte financeira da empresa.

Para começar, deixa eu listar os 6 indicadores que vou falar ao longo desse artigo, eles são:

  • Margem Líquida
  • Liquidez Corrente
  • Rentabilidade do Ativo
  • Giro do Ativo
  • Imobilização do Patrimônio Líquido
  • Endividamento

 

Vamos olhar cada um deles de forma mais aprofundada agora…

Margem Líquida

É o indicador que mostra a capacidade da empresa de gerar lucro comparativamente com a receita líquida que ela obteve em determinado período. Esse é um índice que sempre será expresso em porcentagem e ajuda muito a entender se os custos da sua empresa estão elevados.

Vale ter em mente que o valor da margem líquida é subjetivo, podendo ser bom ou ruim de acordo com a realidade da sua empresa. Normalmente grandes varejistas possuem margens relativamente pequenas, mas ganham no volume, enquanto empresas de serviços possuem margens maiores, mas com um volume de vendas não tão alto.

indicadores de balanco patrimonial - margem líquida

  • Fórmula:

Margem Líquida = Resultado Líquido / Receita

  • Como o conhecimento da margem líquida te ajuda a antecipar problemas:

Quanto mais sua empresa buscar melhor e aumentar esse indicador, melhor vai estar preparada para momentos onde as receitas caírem por conta de problemas não previstos. Se a sua margem é muito baixa, qualquer variação positiva de despesas ou negativa de receitas pode impactar o seu resultado final e fazer com que o seu negócio tenha prejuízo.

Liquidez Corrente

A liquidez corrente mostra se a organização tem ou terá recursos financeiros suficientes para honrar seus compromissos de curto prazo (até um ano). Sua unidade é medida em numeração e se esse indicador for igual ou maior do que um (1) significa que existe capital de giro para pagar as obrigações no curto prazo.

Veja no exemplo abaixo da nossa planilha de Avaliação Econômico Financeira. Nesse caso o ativo circulante é maior do que o passivo circulante, fazendo a liquidez corrente ser maior do que 1.

indicadores de balanco patrimonial - liquidez corrente

Em um outro exemplo da nossa planilha, poderíamos ter o ativo circulante menor do que o passivo circulante, gerando um indicador de liquidez corrente próximo de zero (0,25), que mostra que a empresa não terá recursos para honrar suas obrigações de curto prazo.

indicadores de balanco patrimonial - liquidez corrente negativa

  • Fórmula:

Liquidez Corrente = Ativo Circulante / Passivo Circulante

  • Como o conhecimento da liquidez corrente te ajuda a antecipar problemas:

Se você percebe que a sua liquidez está baixa, provavelmente isso pode ocorrer por conta de alguns motivos como altos valores em estoque, ativo imobilizado alto ou uma quantidade grande de dívidas de curto prazo. Sabendo disso, você pode fazer promoções para reduzir o seu estoque, vender imóveis, máquinas ou itens do seu patrimônio imobilizado e até mesmo tentar parcelar dívidas para fazer mais caixa no curto prazo e sofrer menos no curto prazo.

Rentabilidade do Ativo

Esse é um indicador essencial para quem está fazendo análises econômico financeiras. Ele também é conhecido por ROA por causa do seu nome em inglês, Return on Assets. Ele mostra a rentabilidade adquirida pelos recursos administrados pela empresa, sendo um bom indicador para mostrar a qualidade da gestão do negócio em questão.

Nesse caso, a rentabilidade do ativo é medida em porcentagem e, assim como a margem líquida, quanto maior, melhor. Vale a pena tomar um cuidado para não confundir o ROA com o ROI (retorno sobre investimento), que não leva em consideração o endividamento e patrimônio imobilizado.

indicadores de balanco patrimonial - rentabilidade do ativo

  • Fórmula:

Rentabilidade do Ativo = Resultado Líquido / Ativo Total

  • Como o conhecimento da rentabilidade do ativo te ajuda a antecipar problemas:

Com a rentabilidade do ativo você consegue analisar a eficiência operacional do seu negócio em relação ao seu ativo total. Nesse sentido, pode ter insight relacionados ao custo desses ativos e como eles impactam a geração de lucro mês a mês.

Giro do Ativo

O giro do ativo relaciona o total de vendas com o ativo total da empresa, mostrando exatamente o quanto a empresa foi eficiente ao usar seus ativos. Assim como o nosso indicador de liquidez, a unidade de medida é numeral e varia de zero até infinito. Veja um exemplo preenchido da nossa planilha de avaliação econômico financeira.

indicadores de balanco patrimonial - giro do ativo

  • Fórmula:

Giro do ativo = Receita Líquida / Ativo Total

  • Como o conhecimento do giro do ativo te ajuda a antecipar problemas:

Um indicador de giro do ativo baixo pode indicar que você tem ativos (máquinas ou equipamentos) que não estão gerando os resultados de receitas que você esperava. Nesse sentido vale a pena entender se a sua capacidade produtiva está otimizada, se a precificação não está afetando o seu resultado financeiro e consequentemente esse indicador ou se seus esforços de venda estão sendo efetivos.

Imobilização do Patrimônio Líquido

Esse indicador mostra o percentual do patrimônio líquido que se encontra aplicado no ativo permanente, ou seja, quanto maior o investimento no AP, menos recursos sobrarão para bancar o ativo circulante. Isso pode fazer com que a empresa precise se endividar no curto prazo para poder honrar seus compromissos

indicadores de balanco patrimonial - imobilização do patrimônio líquido

  • Fórmula:

Imobilização do Patrimônio Líquido = Ativo Permanente / Patrimônio Líquido

  • Como o conhecimento da imobilização do patrimônio líquido te ajuda a antecipar problemas:

Se você percebe que uma boa parcela do seu ativo se encontra imobilizado, vale a pena analisar o seu passivo de curto prazo para ter certeza que conseguirá honrar suas obrigações. No caso de ainda ter um indicador não comprometido, vale sempre a pena fazer essa análise antes de obter ativos imobilizados como máquinas, equipamentos, imóveis e terrenos. Uma análise que pode te ajudar é fazer a comparação da aquisição com o aluguel desses itens.

Endividamento

O indicador de endividamento mostra se uma empresa está muito ou pouco endividada, fazendo uma comparação entre o seu patrimônio líquido contra as obrigações que ela tem no curto e longo prazo. O resultado sempre será um número que indicará quantas vezes a dívida é maior do que seu patrimônio.

Nesse sentido, ter esse indicador próximo ou abaixo de um mostra um bom planejamento. Isso não quer dizer que empresas muito endividadas estejam necessariamente mal das pernas, é uma questão de analisar qual é o tipo de dívidas que essa empresa possui e sua capacidade de pagar as mesmas.

indicadores de balanco patrimonial - endividamento

  • Fórmula:

Endividamento = (Passivo Circulante + Exigível a Longo Prazo) / Patrimônio Líquido

  • Como o conhecimento do endividamento te ajuda a antecipar problemas:

Depender de capital de terceiros pode ter suas vantagens, mas de maneira geral deve ser um sinal de alerta para que você não crie uma bola de neve de juros ou de dívidas não desejadas. Manter patamares do indicador abaixo de um é sempre o mais indicado para evitar problemas.

Como calcular esses indicadores sem ter trabalho nenhum

Deu para perceber que, apesar de serem indicadores econômico financeiros bem importantes, não é trivial calcular todos. Normalmente para fazer esses cálculos na mão é necessário um bom conhecimento de finanças aplicado para avaliação de empresas.

Planilha de Avaliação Economico Financeira

Se você quiser analisar só o mais importante e ter uma ferramenta que faça todos os cálculos automaticamente para você, recomendo a nossa planilha de avaliação econômico financeira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome