Diagrama de Ishikawa: o que é e como fazer

  1 comentário   Conceitos de Gestão  
Compartilhe com amigos:
Diagrama de Ishikawa - diagrama de espinha de peixe - diagrama de causa e efeito
Este conteúdo faz parte da série:
Diagrama de Ishikawa

Voltar para:
1. Tudo sobre Gestão da Qualidade

Aplicações do Diagrama de Ishikawa:
1. Encontre falhas na empresa com Diagrama de Ishikawa
2. 5 Usos do Diagrama de Ishikawa que você nunca imaginou

Neste artigo:

O que é Diagrama de Ishikawa

O diagrama de Ishikawa, de espinha de peixe de causa e efeito ou 6M, ajuda gestores a investigar causas de problemas para posterior resolução. O método consiste em organizar as causas em grupos – mão de obra, meio ambiente, materiais, máquinas, medição e métodos – e estudar seus efeitos.

O diagrama de Ishikawa é uma representação gráfica que serve para ajudar na organização de raciocínio e discussões de ideias no processo de resolução de problemas. O método foi inicialmente proposto pelo engenheiro químico Kaoru Ishikawa em 1943

Consiste na identificação de causas para determinados resultados. Apesar de sua proposta de aplicação inicial ter sido feita para a área de produção, ele pode ser utilizado em qualquer área de gestão.

diagrama de ishikawa

O Diagrama de Ishikawa também é conhecido por alguns outros nomes:

  • Diagrama de Causa e Efeito
  • Diagrama Espinha de Peixe
  • Diagrama 6M

Todas essas variações dos nomes são facilmente entendidas ao se olhar para a imagem abaixo:

diagrama de ishikawa - diagrama de espinha de peixe - diagrama de causa e efeito

diagrama de ishikawa – diagrama de espinha de peixe – diagrama de causa e efeito

Causa e efeito” pelo diagrama buscar a identificação das principais causas que são responsáveis por um determinado problema, resultado ou efeito. Diagrama de espinha de peixe se deve à representação gráfica do diagrama. Diagrama 6M se deve aos grupos de causas, que são:

  • Materiais
  • Meio Ambiente
  • Mão de obra
  • Métodos
  • Medição
  • Máquinas

Esse sistema vai permitir que você desenvolva uma estrutura que facilita a resolução de grandes problemas. Como não queremos fazer todo esse processo no papel, vamos ver como fazer o diagrama de causa e efeito no Excel.

diagrama de ishikawa

Como fazer um diagrama de ishikawa no Excel

Agora, vamos sair do campo teórico e passar para a parte prática. Se você quiser fazer uma planilha de diagrama de ishkawa em Excel, terá que seguir alguns passos importantes para ter uma boa efetividade em seu uso:

  • Passo 1 – Determine o problema que a sua empresa quer resolver

É importante que você utilize apenas um problema por vez no diagrama de ishikawa. Além disso, ao escrever o problema na planilha, não utilize palavras vagas ou frases grandes, seja objetivo e pontual:

diagrama de ishikawa - problema pouco engajamento no blog

Diagrama de ishikawa – problema pouco engajamento no blog

  • Passo 2 – Liste as causas que podem ter gerado esse problema

Aqui você vai ter que listar todas as causas que podem estar gerando esse problema.

Diagrama de ishikawa - causas para pouco engajamento no blog

Diagrama de ishikawa – causas para pouco engajamento no blog

Um ponto importante é delimitar notas para cada uma dessas causas, com o objetivo de encontrar quais são as causas mais relevantes e que impactam de maneira mais direta para o problema em questão

diagrama de ishikawa

  • Passo 3 – Faça o diagrama de espinha de peixe

Se você tiver feito um bom trabalho de levantamento das causas, poderá ter uma bela visualização do seu diagrama de espinha de peixe:

diagrama de ishikawa - visualização do diagrama de espinha de peixe

diagrama de ishikawa – visualização do diagrama de espinha de peixe

Essa representação é uma maneira simples de você analisar quais itens são relevantes e quais não são.

  • Passo 4 – Crie ações para resolver as causas mais importantes

Agora é o processo bem simples, você precisa criar planos de ação para resolver ou melhorar a forma como as causas levantadas ocorrem. Para isso, um primeiro passo é a criação dessas atividades e o registro de uma equipe responsável para realizar aquela ação.

Diagrama de ishikawa - planos de ação para reduzir as causas do problema

Diagrama de ishikawa – planos de ação para reduzir as causas do problema

Dessa forma, é possível criar e controlar problemas, suas causas e as ações necessárias parsa melhorar a gestão do seu negócio com uma planilha de diagrama de ishikawa em Excel.

diagrama de ishikawa

Exemplo prático de uso do diagrama

Eu já tinha falado sobre 5 usos do diagrama de ishikawa que provavelmente você nunca imaginou em um outro post (que recomendo bastante a leitura), mas para entrar em um exemplo bem prático e que muita empresa deve passar, vou falar sobre controle de custos e área financeira. Para isso, vou seguir o mesmo passo a passo que eu mostrei na etapa anterior:

  • Passo 1 – Problema: Aumento de custos

Como eu estava falando, um dos grandes problemas que muitas empresas enfrentam é o aumento de custos

Diagrama de ishikawa - problema: aumento de custos

Diagrama de ishikawa – problema: aumento de custos

Mesmo quando os custos não estão aumentando objetivamente, pode ser que já estejam lá em cima. Tentar entender como reduzi-los, pode ser a diferença entre fechar a empresa ou ter um negócio lucrativo.

  • Passo 2 – Causas:

Cada negócio tem suas características, mas em um exemplo simples, poderíamos levantar as seguintes causas para cada um dos 6 Ms:

Materiais – Matéria prima com defeitos

Materiais – Fornecedores caros

Métodos – Falta de processo de contratação de fornecedores

Métodos – Uso excessivo de equipamentos e máquinas

Mão de Obra – Excesso de funcionários

Mão de Obra – Salários altos

Máquinas – Equipamentos obsoletos

Máquinas – Necessidade excessiva de manutenção

Meio ambiente – Layout inadequado do chão de fábrica

Meio ambiente – Fábrica distante do centro da cidade

Medida – Falta de controle de qualidade de produtos

Medida – Ausência de indicadores de custos

diagrama de ishikawa

Veja como isso fica na nossa planilha de diagrama ishikawa em Excel:

Diagrama de Ishikawa - causas para aumento de custo

Diagrama de Ishikawa – causas para aumento de custo

  • Passo 3 – Diagrama de Ishikawa

Na nossa planilha, a partir do preenchimento das causas, você já consegue visualizar automaticamente o diagrama 6M pronto para impressão, exatamente assim:

Diagrama de ishikawa - visualização da "espinha de peixe"

Diagrama de ishikawa – visualização da “espinha de peixe”

  • Passo 4 – Planos de Ação

A partir dos principais problemas listados, basta pensar em ações que vão te ajudar a diminuir ou eliminar as causas do seu problema. No nosso exemplo, separei 3 planos de ação para ilustrar como isso pode ocorrer.

diagrama de ishikawa

Se a minha empresa tem um problema de gastar muito dinheiro com fornecedores, um planos de ação simples e objetivo é o de buscar novos fornecedores com um preço mais baixo.

Se máquinas e equipamentos tem necessidade excessiva de manutenção, fazer a troca de máquinas antigas ou que acabam tendo mais defeitos.

Por fim, se uma causa dos custos elevados são salários altos, é necessário pensar em soluções como a redução da equipe.

Diagrama de Ishikawa - planos de ação para reduzir custos

Diagrama de Ishikawa – planos de ação para reduzir custos

Obviamente que eu só estou falando de exemplos, mas na prática, a planilha vai funcionar da mesma maneira para qualquer problema ou efeito que você queira solucionar dentro da sua empresa.

Planilha Pronta de Diagrama de Ishikawa no Excel

Para colocar essas ideias na prática e resolver seus problemas de maneira organizada e aprofundada, vale a pena conhecer a planilha de diagrama de ishikawa em Excel.

diagrama de ishikawa

Resumo
Modelo de Diagrama de Ishikawa no Excel: o que é e como fazer
Nome do Artigo
Modelo de Diagrama de Ishikawa no Excel: o que é e como fazer
Descrição
Conheça a metodologia do diagrama de ishikawa, e aprenda a criar um modelo no Excel para entender as causas dos seus principais problemas
Autor
Nome da Empresa
LUZ
Logo da Empresa
Compartilhe com amigos:

Inscreva-se e receba o conteúdo semanal
que realmente importa

Experimente! É grátis e, se não gostar, basta cancelar o envio com 1 clique.
 

Deixe seu comentário aqui

Buscar no Blog LUZ

Digite abaixo…

×
Receba a sua dose semanal de conhecimento grátis
×
[optin_monster_id]
[optin_monster_id]
[email]
[email]
[opt_in]
[opt_in]
[opt_in]
[opt_in]