Ser empreendedor informal é mau negócio, abra um MEI

2
2125
Empreendedor Informal - Vendedor Ambulante de Praia

Veja também:
Tudo sobre MEI – Microempreendedor Individual

De acordo com a revista Pequenas Empresas Grandes Negócios, os altos custos envolvidos na abertura de uma empresa são o principal fator alegado por empreendedores para manter sua atividade na informalidade.

O número de empreendedores informais no Brasil chegou a R$10 milhões no ano passado. O principal perfil de empreendedor informal no Brasil é o chamado empreendedor por necessidade, ou seja, aquele que descola uma atividade para sobreviver. A incidência desse perfil aumenta em períodos de crise e isso explica o crescimento da informalidade.

Pessoas que vivem de bicos e vendedores ambulantes são boas representações dessa categoria. Outro caso, que acaba diminuindo em momentos de crise, é o empreendedor por oportunidade. Este assume um contrato na física ou assume uma demanda não-atendida e depois, corre atrás para formalizar seu negócio. Escrevemos um texto contando um pouco da jornada empreendedora, caso tenha interesse.

É completamente compreensível pensar que nem todos os empreendedores possuem acesso a informação. Isso dificulta muito as possibilidades de formalização. Mas ficar a margem da legalização também tem suas desvantagens:

  • Falta de acesso a crédito e serviços financeiros
  • Falta de cobertura previdenciária
  • Impossibilidade de contratar pessoas
  • Dificuldade para concretizar vendas maiores, principalmente para empresas, por não emitir notas fiscais

Realmente, se formos levar ao pé-da-letra, o processo de abertura de empresa no Brasil é bastante sofrível. Ou, pelo menos era antes do advento do MEI, microempreendedor individual. O MEI foi criado através de algumas leis que simplificam muito a formalização de microempreendedores que faturam menos de R$60 mil por ano.

O MEI é isento de impostos federais e precisa pagar apenas um valor mensal fixo, na casa de R$50, dependendo da atividade, referente a INSS MEI, ICMS e ISS.

Fizemos uma série de artigos interessantes para esclarecer melhor o tema.

Esperamos ter esclarecido um pouco melhor o tema e ter convencido que ser empreendedor informal nem sempre é uma boa.

Boa sorte na abertura do seu MEI! Conte com a LUZ. 😉

Veja também:
Tudo sobre MEI
Como abrir um MEI?
Como mudar de MEI para Microempresa?
Como funciona o Portal do Empreendedor?
Como saber se uma empresa é MEI?

Dúvidas comuns sobre MEI:
MEI recebe PIS?
Como funciona licença maternidade para MEI?
Qual o valor mensal do MEI?
Quanto custa para abrir um MEI?
Como funciona INSS para MEI?
Como ter cartão de crédito para MEI?

2 COMENTÁRIOS

    • Sim Cristina, sem problema algum. De maneira geral, muita gente começa a exercer uma atividade para entender se tem demanda, se é o que quer fazer mesmo e uma vez que consiga o primeiro cliente, abre o MEI, que é um processo bem simples

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome