O que é Inbound Marketing e como ele pode alavancar o seu negócio

0
1014
O que é Inbound Marketing e como ele pode alavancar o seu negócio
Planilhas Prontas em Excel

Uma boa estratégia de marketing sempre foi uma das chaves para que seus produtos cheguem até um potencial cliente, não é mesmo? Agora imagine que o foco se inverta. Isso mesmo. Pense que a comunicação faça com que o consumidor vá até você. 

Na prática, chamamos isso de Inbound Marketing, uma estratégia que aproxima e aprimora o relacionamento da empresa com o consumidor de forma progressiva. 

Em contrapartida ao Outbound marketing, que basicamente ‘’empurra’’ o produto ou serviço para o consumidor, o Inbound tem como objetivo agregar valor e estimular o cliente a chegar até a marca. 

Com isso, é notório que ações de marketing são essenciais para alavancar o seu negócio. A criação e divulgação de clientes satisfeitos e fiéis, são as únicas formas de alcançar o sucesso.

Em sua maioria, os administradores pensam que fazer publicidade é muito simples. Porém, no mundo virtual, é fácil identificar profissionais que investem em uma única estratégia de forma desenfreada. 

Por que isso acontece? Simples! Os gestores não utilizam nenhuma estratégia eficaz para o mundo digital. E quando o tema é sucesso, logo pensamos em Inbound Marketing!

O que é Inbound Marketing?

O Inbound Marketing é um conceito do marketing digital que visa elaborar estratégias voltadas a geração de leads e criação de conteúdo relevante.

A diferença do inbound para as outras estratégias é simples: o objetivo é conquistar, educar e despertar interesse do público alvo, ao invés de comprá-lo. 

Pense em uma resina epóxi, com o Inbound marketing você não precisa ter uma caixa dessa resina para investir em ações similares as da marca.

A fabricante do produto possui um portal de produção de conteúdo mantido pela marca, divulgando notícias e produções originais periodicamente.

Seguindo a linha de raciocínio de Inbound, a marca da resina epóxi utiliza o conteúdo relevante para atrair os usuários, aumentando assim o número de vendas e gerando engajamento para os site.

Para se ter uma ideia, até 2023, mais de 50% dos orçamentos serão voltados ao ambiente online. Além disso, o Brasil é o sétimo mercado do mundo em marketing digital e deve fechar o ano movimentando 18 bilhões em suas plataformas. 

Certamente isso se dá por uma única razão: o custo. Falando sobre as estratégias, o Inbound Marketing custa cerca de 62% mais barato que o outbound marketing. 

Contudo, empresas que utilizam blogs conseguem 97% mais links ligados ao seu website e ainda, 275% é o ROI (retorno sobre investimento) médio produzido por meio de estratégias de Inbound Marketing. 

Sem contar o número de brasileiros que utilizam a internet, né? Segundo pesquisa da TIC Domicílios, 70% da população, o que equivale a 126,9 milhões de pessoas, são usuários ativos. 

Bom, agora que você já conhece o Inbound Marketing e a importância da sua estratégia, que tal descobrir como implementá-lo? 

Passo a passo para inserir uma estratégia de Inbound Marketing

Sabemos que todo planejamento que fazemos precisa de um objetivo inicial, certo? Por isso, é imprescindível que se identifique o objetivo. Além disso, pense em um tempo mínimo para alcançar essa meta, algo parecido com 6 meses a 1 ano. 

Dê o primeiro passo de forma cautelosa, principalmente se a sua estrutura e recursos não forem os melhores. 

Por exemplo, inicie com a geração de 20 a 50 leads relevantes, assim, as pessoas se cadastram e viraram possíveis clientes. 

Pronto! Uma vez que o objetivo foi definido, o processo de planejamento pode ser montado. Ficou curioso? Continue lendo!

Defina seu público-alvo 

Certamente se você abriu um negócio voltado para equipamento de proteção individual, sabe em qual setor encontrar sua audiência. No entanto, seu público alvo deve ficar em constante evolução. 

Para isso, estabeleça um conjunto ações que identificará as suas personas. Resumidamente, as personas são perfis fictícios, baseados em estudos reais que aprimoram os seus clientes ideais.

Onde você pode encontrá-los?

A internet é um espaço gigantesco e que cresce a todo momento. Antigamente, era só descobrir o local que o público-alvo se encontrava e estabelecesse contato por telefone. Porém, agora ele pode ficar em qualquer lugar no ambiente virtual.

Para isso, comece pelo simples: as redes sociais mais utilizadas, como o Instagram, Facebook e o Linkedin.

É importante a interação em grupos, páginas e fóruns de discussão sobre o segmento do seu negócio. Não tenha receio perante marcas com produtos semelhantes, é nesse momento que seus futuros clientes esperam por alguém que ofereça conteúdo de qualidade e preço mais em conta.

Quando você concluir o processo, faça uma lista de todo caminho por escrito e bem detalhado sobre o que se pode fazer sempre que entrar na internet para gerar conteúdo, assim como as palavras chaves que mais dão retorno. 

Canais de atração

Uma das principais etapas no Inbound marketing – se não a principal. A geração de fluxo qualificado no seu portal ou plataformas de mídia online é o primeiro passo para alavancar a sua estratégia. 

O consumidor entra em algum dos seus canais (blog, facebook, instagram, portal e etc), adora o conteúdo que lê, se cadastra para receber um material elaborado em troca, torna-se um lead e, simultaneamente, um potencial cliente. 

Entretanto, isso só é possível com o desenvolvimento de conteúdo de qualidade para o seu público-alvo. Por isso, elabore conteúdo cativante, inteligente, que identifique e resolva problemas, dores, desperte curiosidade e gosto sobre o tema. 

Ou seja, dê a eles atenção e solução de seus problemas. Claro, não precisa criar algo sério demais. Disponibilize um material mais contraído e prazeroso de ler. Assim como vídeos e infográficos. 

Disponha esses conteúdos em um blog e e-mail marketing. White papers e e-books são formas de marketing e mídia digital colocadas à disposição do cliente. 

Um ponto importante é criar uma página com ‘’perguntas frequentes’’ ou ‘’caixa de perguntas’’ para os usuários. Essa é uma página muito acessada em sites e, muitas das vezes, as questões recorrentes são respondidas de forma rápida e eficaz. 

Funil de vendas

Assim que você conseguir converter o tráfego do seu site em leads, chega a penúltima etapa do processo: o funil de vendas

Auxiliar as prospecções durante o funil de vendas, ou seja, garantir que cada uma das suas personas receba o conteúdo de acordo com interesse delas, baseando o momento de compra que cada uma se encontra. 

Nesse momento, é imprescindível desenvolver ótimos conteúdos onde você consiga criar uma série de ofertas, posts e demais materiais para atingir o seu público-alvo.

Mãos na massa!

A última etapa nada mais é que fechar com o cliente. Aqui, para o crescimento do seu negócio e do setor financeiro, é necessário transformar os leads em clientes. 

Este processo também é feito por conteúdos e ofertas de interesse. Nesse momento, você estará lotado de informações dos seus leads, podendo criar um material exclusivo para cada um e desenvolver um relacionamento com o consumidor.

Envie e-mails, e-books, cartões de presente e artigos para cada um. Utilize algumas técnicas adotadas pelo mercado de marketing. Assim, você pode implementar as suas ações da melhor maneira.

Esse‌ ‌artigo‌ ‌foi‌ ‌escrito‌ ‌por‌ ‌Beatriz‌ ‌Barros,‌ ‌Criadora‌ ‌de‌ ‌Conteúdo‌ ‌do‌ ‌‌Soluções‌ ‌Industriais‌.‌ 

Planilhas Prontas em Excel

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome