3 Principais Erros No Controle De Caixa Que São Comuns De Acontecer

0
85
3 Principais Erros No Controle De Caixa Que São Comuns De Acontecer
Planilhas Prontas em Excel

Atenuar os problemas de controle de caixa das empresas deve estar na lista de prioridades de todos os empresários, independentemente do tamanho de seu negócio.

Afinal, embora erros no serviço ao cliente ou no gerenciamento da cadeia de suprimentos sejam certamente indesejáveis, os erros no controle de caixa têm o maior potencial possível de prejudicar os negócios.

Conhecendo os principais erros na hora de administrar o caixa de uma empresa, você poderá evitar de cometê-los em sua empresa.

Planilhas Prontas em Excel

Controle de caixa e fluxo de caixa

Controle de caixa é, basicamente, todo o controle financeiro empresarial realizado. O fluxo de caixa, por sua vez, é essencialmente o dinheiro que entra no seu negócio, incluindo:

  • Dinheiro inicial ou saldos bancários, além de qualquer caixa pequeno disponível;
  • Juros auferidos de contas e investimentos bancários;
  • Empréstimos comerciais ou linhas de crédito;
  • Vendas: os resultados das vendas, os recebíveis da sua conta – que desempenham o papel mais importante no gerenciamento de controle de caixa para as empresas.

Sem que os clientes desejem comprar seus produtos ou serviços, não importa quanto capital inicial você tenha, empréstimos ou investidores, sua empresa não sobreviverá.

Sabendo gerenciar seu fluxo de caixa, você já terá percorrido um longo caminho na direção da minimização de erros ao administrar o caixa de sua empresa. Saiba mais!

Por que você precisa gerenciar seu controle de caixa?

Quanto mais gerenciado for seu controle de caixa, melhor você estará preparado para enfrentar os altos e baixos do seu negócio.

Além de manter sua empresa em movimento, o gerenciamento de seu caixa também pode ajudá-lo com outras situações, como:

  • Gerenciar despesas inesperadas. As operações diárias das empresas geralmente são imprevisíveis e seus recursos podem ser limitados.

Você pode planejar despesas gerais esperadas, como aluguel ou serviços públicos, suprimentos e salários. Porém, a perda repentina de um cliente ou a quebra inesperada do equipamento pode desequilibrar seus negócios.

Um controle de caixa organizado permite que você tome conta de possíveis problemas inesperados sem afetar drasticamente sua empresa.

  • Manter o controle de seus negócios. Quando seu negócio não funciona como planejado, pode parecer que você está mergulhando no caos.

– O gerenciamento do caixa oferece mais controle e perspectiva dos seus negócios e ajuda você a tomar decisões importantes para inovar, introduzir novos produtos ou serviços ou expandir para novos mercados.

  • Solicitar empréstimos. Banqueiros, credores e investidores geralmente analisam o controle de caixa relacionado às atividades operacionais para tomar uma decisão sobre investir e financiar suas atividades.
  • Expansão e crescimento de fundos. Um bom controle de seu caixa também permite reinvestir e expandir, para que você possa aumentar seus lucros e sua base de clientes.

Como evitar erros ao gerenciar seu controle de caixa

Aqui estão os principais erros que você deve evitar ao gerenciar o caixa de sua empresa:

Erro 1: não determinar seu ciclo de fluxo de caixa

Seu ciclo de fluxo de caixa é determinado pela quantidade de tempo que leva para comprar peças ou suprimentos, criar ou fabricar, vender e receber pagamentos por seus produtos ou serviços.

Essencialmente, ele define quanto tempo leva para gerar dinheiro com suas atividades diárias.

  • Quanto menor o ciclo de fluxo de caixa da sua empresa, mais dinheiro você terá disponível para pagar despesas e contas a pagar e iniciar o ciclo novamente.

Erro 2: não tentar aumentar o dinheiro que você gera por ciclo

O dinheiro ganho com suas vendas permitirá gerar um fluxo de caixa positivo em todos os ciclos de negócios de seu controle de caixa.

– Para gerar mais dinheiro por ciclo, tente aumentar suas vendas, gerar margens de lucro maiores ou reduzir despesas – se possível. Ou, tente acelerar seu processo para gerar mais ciclos de fluxo de caixa por ano.

Erro 3: confundir vendas com controle de caixa

Independentemente do seu nível de conhecimento financeiro, os empresários devem fazer todo o possível para evitar problemas de controle de caixa.

Então, não confunda números de vendas com controle e fluxo de caixa. Esse é um equívoco comum: vendas equivalem a dinheiro no banco.

  • Elas pertencem apenas ao fluxo de caixa e, consequentemente, do controle de caixa, quando o pagamento por seus produtos ou serviços é feito.

Não seja vítima de um mau planejamento. Crie projeções de caixa com base em uma análise minuciosa de como você espera que as vendas saiam nos próximos 12 meses, bem como quanto dinheiro provavelmente será pago no mesmo período.

Analisando constantemente o desempenho do passado, você poderá preparar demonstrativos que sinalizam se a empresa obteve ou perdeu dinheiro com suas operações normais.

Esse tipo de análise de controle de caixa representa uma fonte essencial de dados financeiros, principalmente para empresas sazonais e para empresas cujo fluxo de caixa geralmente é irregular. Então, para obter sucesso, conte com ele!

Planilhas Prontas em Excel

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome