Como ser um bom gestor

0
169
Como ser um bom gestor

O gestor é um profissional estratégico e essential para que uma empresa busque os resultados almejados. Pois é, um é capaz de transmitir conhecimentos, motivar uma equipe, coordenar os processos de governança corporativa, com maior potencial de desempenho de cada colaborador.

Definição do cargo

Gestor é um profissional que possui uma amplitude de ações dentro da empresa. Este profissional tem as atribuições de planejar, coordenar e ajudar nas execuções de ações com a participação de outros profissionais envolvidos, como os gerentes de áreas.

Além da parte estratégica e tática, não menos importante é a parte motivacional e orientativa que o gestor presta a sua equipe.

Como ser um bom gestor
  • CBO do cargo

A Classificação Brasileira de Ocupações (CBO) referente ao cargo de gestor possui uma gama composta por varias modalidades de gestão, indo desde gestores ligados a eventos e de entidades religiosas.

  • Características de um bom profissional de gestão

Para ser um bom gestor, é necessário que o profissional tenha (ou desenvolva) certas características, como: ter conhecimento e envolvimento dos processos da corporação; ter uma visão generalista e especifica também; buscar inovações e estar aberto as novidades; desenvolver sempre o seu crescimento pessoal e profissional; ter acessibilidade por parte dos funcionários; ser uma ‘ponte’ eficaz de comunicação entre a diretoria e a equipe de base; ter resiliência; buscar tomar as melhores decisões que impactam positivamente tanto os componentes da empresa e os clientes; e lógico, o gestor tem que estar constantemente motivando a equipe e desenvolvendo o crescimento da mesma.

  • Empresas que precisam do profissional de gestão

A rigor, podemos considerar que qualquer tipo de empresa precise de um gestor. Contudo, se for uma pequena empresa (como um MEI), o proprietário é o próprio gestor.

Mas, se a empresa for de um porte médio e sobretudo grande (onde há vários departamentos), a figura do gestor não poderá faltar.

A empresa de porte grande, geralmente, tem vários gerentes por setores (como administrativo, financeiro e de RH por exemplos) e com isto precisará de um gestor geral que coordene e avalie os resultados dos setores.

  • Salário médio para a função de gestor

Segundo o site LOVE MONDAYS (site especializado em apontamentos salariais), o salário médio para um gestor está no valor de quase 7300 reais/mês.

Sendo que o valor mínimo está em 941 reais e o valor máximo apontado passa dos 41 mil reais.

  • Principais cursos para formação de gestor

Mesmo que a função de gestor tenha grande abrangência, dependendo do porte da empresa e em qual seguimento de mercado essa se enquadra, o gestor terá que se especializar e seguir um foco em determinado tipo de gestão, como: curso de gestão financeira; curso de gestão comercial; curso de gestão ambiental; curso de gestão da informação; gestão empresarial; gestão de pessoas; gestão de projetos e gestão da saúde, dentre outros.

Atividades esperadas

Para um gestor, sobretudo em grandes corporações, haverá uma infinidade de tarefas a executar e delegar. Para isto, o profissional em questão terá que ser bem organizado e otimizar o seu tempo da melhor forma possível, para obter uma melhor produtividade sua e da equipe.

  • Rotina de trabalho para um gestor

A rotina de um gestor, independente da especialização deste, é sempre dinâmica. Este profissional tem que estar a campo e agir (e interagir) com sua equipe de colaboradores, com os diretores, fornecedores e até mesmo com os clientes.

A função de um gestor é primordialmente estratégica, por muitas vezes ele terá que participar (e comandar) de reuniões de posicionamentos, avaliações de resultados e definições de metas.

  • Desafios esperados na função

São diversos os tipos de desafios que atribulam os gestores dia-a-dia. Mas, segundo algumas pesquisas, há 03 tipos de desafio que “esquentam a cabeça” dos gestores na execução da sua função. Sendo:

Riscos. Como avaliar a medida certa para tomar uma decisão de risco para a empresa. Muitas vezes, os riscos são necessários para a busca de um crescimento considerável para a empresa. Mas, se os riscos que ocorrerão após a tomada de decisões forem baseados em decisões equivocadas, a empresa poderá perder uma quantidade de dinheiro significativa e até comprometer a sua posição no mercado.

Conflitos. Este é um ponto bem delicado e que todo líder e gestor terá que saber em lidar, em como gerir conflitos na empresa. Este ponto é primordial, para que o clima organizacional da empresa seja adequado. O clima organizacional sendo bom, afetará positivamente nos resultados.

Aprendizado. O gestor, por ter uma função bem dinâmica, terá que saber absorver bem rápido e por em prática toda mudança e novos conhecimentos que ocorrerem dentro da organização. Não só para si, pois o gestor terá que saber passar de forma mais rápida e clara para a equipe, toda e qualquer mudanças e aprendizados novos.

  • Processos envolvidos

Para um gestor, como em outras funções, é essencial que haja uma linha de processos a seguir. Pois, estes processos é o que definem um padrão a seguir num serviço ou na qualidade final de um produto. Mapeie o processo, para este ser revisto e avaliado, e mesmo mudado, quando necessário. Vamos descrever alguns pontos a seguir, para isto: identificar os objetivos do processo; identificar as entradas e saídas do processo; identificar quando necessário os fornecedores e clientes do processo; fazer a identificação do processo atual e fazer melhorias ou mudanças no processo, se necessário.

  • CHA (conhecimentos, habilidades e atitudes)

O CHA colocado em prática em todas as etapas, será uma forma de avaliação das competências do gestor (servindo também para avaliações de outros cargos de liderança). Contudo, para um gestor, as suas competências ficarão bem visíveis ao aplicar o CHA.

Na qual o gestor terá que ter a sua “bagagem” de conhecimentos teóricos referente ao cargo, e com isto ter habilidades para por em prática a teoria.

Contudo, o ponto que pegará mais forte na sua avaliação serão as atitudes, que de modo geral são as tomadas de decisões, se estas serão assertivas para a empresa e pessoas de modo geral.

Expectativa de crescimento

A expectativa de crescimento para um gestor será bem considerável, sobretudo se o mesmo colocar em prática de modo adequado a CHA e obter os resultados (metas) almejadas pela empresa.

  • Como ser promovido na empresa

Para ocorrer uma promoção para gestor (ou qualquer outro cargo) é necessário ter disponibilidade (vaga) para o cargo almejado. Em segundo, para o pretendente ao cargo, este tem que ter alguns requisitos básicos (que poderão serem avaliados na CHA) e outras posturas e ações que pesarão no processo de promoção.

Pontos como frequências, pontualidades, posturas, pró atividade, comunicação, cooperação e resultados obtidos, dentre outros, estarão na “mesa” para avaliações de uma possível promoção.

  • Cargos relacionados com o de gestor

Há diversos cargos de gestores específicos, relacionados com diversos segmentos profissionais, como: gestor de evento; gestor de manutenção; gestor de informação; gestor em segurança; gestor público e diversos outros.

  • CHA dos cargos relacionados a gestão

Como descrito mais acima, neste artigo, as CHA’s (conhecimento, habilidade, atitude) para o gestor servem para todos os cargos relacionados.

Pois, independente de qual função específica da gestão, os cargos relacionados precisarão deste “tripé” da CHA para desenvolverem as suas competências.

Como ser um bom gestor

Desenvolvimento pessoal

O desenvolvimento pessoal e profissional tem que ser constante para o gestor, e a utilização da ferramenta roda da vida e um planner para anotar tudo, serão de grande importância.

  • Roda da Vida e Planner

A Roda da Vida é uma ferramenta muito utilizada na área do coaching. É uma ferramenta para o auto-conhecimento do indivíduo. Esta ferramenta propicia a pessoa mapear a sua vida em 04 grandes áreas, como: pessoal, profissional, relacionamento e qualidade de vida.

Contudo, existe uma Roda da Vida adaptada especificamente para a gestão, na qual o gestor tem 04 grandes áreas também para pontuar (de 0 a 10) e avaliar.

Sendo estas áreas: autodesenvolvimento, estratégia da empresa, gerador de inovação e engajamento.

Como na Roda da Vida tradicional, nesta Roda da Vida para gestão, o gestor terá que ver quais itens tiveram menores pontuações e com isto fazer um plano de ação para elevar as pontuações dos itens com baixa performance.

E o Planner, o que é?

O Planner simplesmente é uma agenda para anotações. Sim, pode ser aquela “velha” e tradicional agenda de papel ou mesmo fazer as anotações num dispositivo eletrônico.

Seleção de planilhas para gestão

Descreverei algumas planilhas fundamentais para a gestão do seu negócio.

Além destas, há muitas outras no blog LUZ que com certeza te ajudará a gerir o seu negócio. Não deixe de consultar!

Uma planilha na qual você poderá registrar as principais competências do seu negócio e fazer uma avaliação completa da sua equipe de colaboradores. Acesse o link abaixo e faça o teste grátis!

Planilha de Avaliação de Desempenho por Competências 4.0

Planilha ideal para diagnosticar cada setor ou área de sua empresa, avaliando assim qual setor precisará melhorar. Clique no link abaixo e faça o teste grátis!

Planilha de Diagnóstico Empresarial 4.0

Conclusão

Para ser um bom gestor, além dos pontos já citados neste post, é necessário também que este profissional tenha a facilidade em vislumbrar possíveis novos lideres (ou gestores) e desenvolvê-los.

Isto trará um aspecto motivacional para todo o grupo de colaboradores, por verem que estes estão sendo observados e lapidados. No caso do gestor em específico, ele poderá almejar novos patamares na empresa, desde que o seu posto seja absorvido por outro gestor qualificado, mesmo que novato.