Como ser um bom obreiro bíblico?

0
811
Como ser um bom obreiro
Planilhas Prontas em Excel

Definição do cargo

O obreiro é o ajudante direto do pastor e faz diversas tarefas necessárias ao templo ou a casa de orações. Ele é visto como uma autoridade espiritual e eclesiástica. O Obreiro deve orar pelos enfermos, zelar/cuidar do templo.

CBO da função

Segundo a CBO (Código Brasileiro de Ocupações), ao consultar sobre a palavra obreiro, aparece a opção obreiro bíblico (CBO 2631-10).

Características de um bom obreiro

As características para ser um bom obreiro, sobretudo nos serviços religiosos, são comumente apontados 07 pontos, a saber:

  • Estar pronto para servir;
  • Ter paciência;
  • Ter submissão;
  • Ser trabalhador;
  • Ter coragem;
  • Ser fiel;
  • Ser amigo, ter boa capacidade de comunicação.

Para obreiros em outras situações, estas características também servirão, exceto pelo ponto da submissão.

Entidades que precisam de obreiros

As funções do obreiro são utilizadas sobretudo nas igrejas evangélicas ou protestantes.

Salário médio de um obreiro

Segundo o site salario.com.br, o valor médio da remuneração para um Obreiro Bíblico (CBO 263110) está no valor de R$ 2.269,33/mês.

Sendo que o salário base deste profissional está no valor de R$ 1.611,23 e podendo chegar num teto salarial de R$ 4.839,16.

Esta questão salarial para um obreiro bíblico é polêmica de certa forma. Pois, há instituições religiosas que não remuneram o obreiro, com este profissional prestando um serviço voluntário na sua Congregação.

Com isto, este obreiro em específico, dependerá totalmente de uma renda externa a sua Congregação de atuação.

Como ser um bom obreiro

Atividades esperadas

Como estamos vendo, o obreiro é um auxiliar e cooperador. Sendo um auxiliar do pastor e da Congregação.

Ajudando nas rotinas diárias, executando as atividades cabíveis e mantendo a ordem.

Rotina de trabalho para um obreiro

Podemos citar alguns pontos que compõem a rotina de um obreiro, como:

  • Recepcionar os fieis;
  • Auxiliar o pastor na preparação e durante os cultos;
  • Ajudar na preparação do ambiente;
  • Manter os seus estudos bíblicos e outros afazeres.

Desafios esperados na função de obreiro

Serão vários desafios, mas um em especial é um grande desafio para o obreiro.

Por ele ser um líder jovem, ele provavelmente enfrentará uma grande desconfiança (ou resistência) por parte dos fieis do ministério.

Processos envolvidos para um obreiro

Basicamente, um obreiro tem duas grandes linhas a seguir para exercer a função: se preparar com conteúdo teórico e ter a unção (uma espécie de autorização espiritual, na qual é aplicado substâncias oleosas no pleiteado).

Quando digo em ter aprovação espiritual, é em relação ao obreiro ter a sua identificação com a doutrina e desenvolver as suas aptidões, com isto tendo a aprovação do pastor.

CHA (conhecimentos, habilidades, atitudes)

O obreiro, para desenvolver as suas competências, terá que desenvolver as suas CHA’s em determinados pontos, como:

  • Conhecimentos: ter conhecimentos bíblicos e conhecimento de método e técnica de ensinos;
  • Habilidades: de planejamento, de ensinar a doutrina bíblica, de passar confiança, de transmitir paixão nos ensinamentos, de dar suporte aos fiéis;
  • Atitudes: em dedicação, em perseverança, em cuidar da sua vida física e espiritual, dentre outros.

Expectativa de crescimento

A expectativa de crescimento para um obreiro dependerá da continuidade dos seus estudos eclesiásticos e da dedicação dos seus trabalhos dentro da congregação.

O obreiro sempre será supervisionado e avaliado pelo pastor ou individuo clerical habilitado para isto.

Como ser promovido dentro da congregação

Para um obreiro ter a oportunidade de almejar maiores postos dentro da igreja, ele primeiramente tem que ser aceito na congregação.

  • Terá que seguir as regras e preceitos estabelecidos para a congregação;
  • Executar as rotinas de trabalho e administrativa da entidade;
  • Manter os estudos bíblicos e outros estudos correlatos de forma continua;
  • Ser o “braço direito” do pastor e auxiliá-lo nos preparos dos cultos;
  • Ter retidão moral exemplar e condutas de ações adequadas;
  • Estar sempre apto e se prontificar a dar todo suporte aos fiéis.

Seguindo estes pontos, e tendo espaço para novos “cargos”, o obreiro tendo um constante acompanhamento, orientação, avaliação e capacitação, ele terá reais condições de crescer dentro do ministério.

Cargos relacionados com a de obreiro

Segundo a CBO (Código Brasileiro de Ocupações), os cargos relacionados com a de obreiro bíblico são: de ministro de culto religioso; missionário; teólogo.

CHA dos cargos relacionados

As competências dos cargos relacionados com a de obreiro bíblico, são similares aos descritos para esta função.

Como ser um bom obreiro

Desenvolvimento pessoal

Para se tornar um obreiro, dentre outras coisas, é necessário que o pleiteante faça o curso de CFO (curso de formação de obreiros).

Geralmente, o conteúdo programático deste curso costuma ter as seguintes disciplinas: Administração Eclesiástica; liderança; homilética (retórica oratória voltado a pregação religiosa); Ética Ministerial; liturgia; psicologia, por exemplos.

Roda da Vida e Planner

Roda da Vida, é uma ferramenta de autoconhecimento e é dividida em 04 partes que são: profissionalqualidade de vidapessoal e relacionamentos.

Estas 04 partes é subdividida em 03 categorias, na qual a pessoa dá uma pontuação que vai de 0 a 10.

Planner Agenda torna-se uma ferramenta necessária para o obreiro organizar o seu dia-a-dia profissional por um ano inteiro. Sendo que há as opções digitais destes planners que poderão ser adquiridas (compradas) e baixadas.

Há opções de planners que já vem com a Roda da Vida no final.

Seleção de planilhas

Uma planilha de gestão de pessoas servirá bem para a gestão dos operadores de um templo, inclusive para o obreiro.

A planilha de gestão de pessoas é bem completa. Com controle de funcionários, avaliação de desempenho, controle de treinamentos, observar indicadores de RH.

Com o pacote de planilhas para desenvolvimento de equipe, você poderá criar dentre outros um plano de treinamentos e analisar as competências da equipe.

Conclusão

O obreiro, sobretudo nas igrejas evangélicas, tem uma função mais específica.

Este é responsável por organizar, preparar e cuidar de diversas atividades dentro de uma congregação ou num templo. Além de dar suporte para o seu superior, que no caso é o pastor e de ter uma autoridade espiritual, por interceder com orações junto aos fiéis.

Ou seja, se compararmos de certa forma com os outros tipos de trabalhadores, os obreiros são a equipe de base, que sem esta, nenhum empreendimento terá sucesso!

Planilhas Prontas em Excel

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome