Inbound Marketing: Como investir para sua empresa

0
92
Inbound Marketing: Como investir para sua empresa
Planilhas Prontas em Excel

No cenário atual, o Inbound Marketing é uma estratégia indispensável quando o objetivo é fazer uma entrega de conteúdo relevante para o cliente e ser encontrado pela reputação e qualidade de um mídia digital.

Esse conceito, também conhecido como marketing de atração, apresenta discussões desde 1999. No entanto, na era do marketing 4.0, os princípios do inbound nunca estiveram tão atuais.

Há algumas definições para essa estratégia. Mas, de forma geral, o inbound é um conjunto de ações e técnicas de conteúdo relevante.

Ele ainda pode incluir um atendimento de primeirinha linha, otimização para os mecanismos de busca do Google em SEO e ações que fortalecem o relacionamento entre a marca e o público.

Essa estratégia pode ser utilizada nos mais diversos segmentos e tem gerado resultados importantes.

Segundo o relatório mais recente da Content Trends, as empresas que utilizam técnicas de inbound alinhadas ao marketing de conteúdo conseguem 1,3 mais visitantes no site e em outros canais de comunicação.

Além disso, esses canais estão mais propensas a gerar leads qualificados para uma venda futura.

Nas próximas linhas, serão abordadas ações que podem ser incorporadas ao inbound, bem como exemplos práticos, sobretudo no segmento automotivo.

Inbound Marketing: sua marca sendo encontrada

Ao contrário do conceito de Outbound marketing, que é uma estratégia mais focada na divulgação das empresas por meio de peças publicitárias e campanhas, o Inbound tem como proposta promover as empresas por meio das técnicas de marketing de conteúdo.

Vamos trazer o exemplo de uma oficina mecânica completa. Em algum momento da vida, motoristas vão precisar dos serviços de reparo, estética e manutenção de uma oficina.

Quando isso acontecer, esse público vai utilizar algumas ferramentas de busca para encontrar o serviço.

Em uma situação mais prática, é provável que as pessoas usem o Google ou outros mecanismos para buscar indicações de oficina. 

Neste contexto, aliás, é interessante lembrar que 96% dos brasileiros procuram os canais de uma empresa na internet antes de visitar a loja física ou concretizar uma compra.

Assim, Se a sua oficina conta com um site e redes sociais que são utilizadas pelo seu público, ótimo.

Contudo é preciso pensar em como está a qualidade do conteúdo que a sua marca oferece nos canais. Afinal, ao adotar o conceito de Inbound à sua estratégia, você poderá utilizar formatos como:

  • Artigos para blog;
  • Vídeos e tutoriais;
  • Newsletters;
  • E-Books;
  • Podcasts;
  • Infográficos;
  • Conteúdo para redes sociais.

Desse modo, além de um conteúdo institucional, você pode (e deve) surpreender seu público com ofertas de conteúdo relevante e que podem solucionar uma dúvida, ou posicionar sua empresa como autoridade no Google.

Para isso, você pode mapear os temas mais procurados na internet e produzir o conteúdo conforme a necessidade da sua persona (calma, já vamos retomar o conceito). 

Ou seja, é preciso adaptar a linguagem para que seja a mais adequada para a solução das dúvidas do motorista que não faz ideia do porquê fazer, como fazer e quando procurar esse tipo de serviço.

Isso deve ocorrer porque quando as pessoas sabem que possuem um problema, mas não conseguem identificar as soluções, o conteúdo relevante a ser produzido (como a manutenção de motor)  deve se encaixar na fase mais adequada da jornada de pesquisa.

Especialmente neste exemplo, a jornada certa é a de atração e descoberta do cliente para as possíveis soluções que ele pode encontrar.

Confira o tópico seguinte com as etapas do Inbound Marketing  e saiba como aplicar as técnicas!

Etapas do Inbound Marketing

A implementação das estratégias de inbound em uma empresa deve começar não só pelo setor de comunicação, mas no posicionamento da marca diante dos propósitos e conhecimentos que ela deseja compartilhar com o mundo.

O inbound serve para o cliente procurar a sua empresa e abre possibilidades para diversas estratégias como marketing de relacionamento, automação e conteúdo autoral. 

Se a sua empresa trabalha com serviços automotivos, é fundamental conhecer o público-alvo muito bem para oferecer a solução ideal em cada etapa, até converter o cliente. Veja as etapas a seguir!

1. Atrair

Uma fase crucial para que seu empreendimento seja encontrado pela pessoa que procura por ele ou um serviço é a etapa da atração.  

Nesta etapa, você deve produzir os conteúdos para a etapa de aprendizado e descoberta da jornada de compra da persona.  

Lembre-se que a persona é a representação ideal do seu cliente (ou clientes) em um personagem fictício. 

Para construir esse perfil, você deve ter uma base ampla de informações sobre os seus públicos, suas necessidades, estilo de compra, hábitos e o principal: conhecer as dores e problemas que essa pessoa precisa solucionar.

Dentro do segmento automotivo, de oficinas e concessionárias, uma forma de atrair leads é a criação de um blog otimizado com conteúdos relevantes e exclusivos. 

No caso da funilaria, você pode trazer conteúdos didáticos sobre o que é e porque fazer uma pintura automotiva completa. Além disso é possível explicar quando investir nessa solução e quais são as técnicas mais adequadas de acordo com o modelo do automóvel.

Para isso, também será preciso criar landing pages. Use as redes sociais para divulgar os artigos e otimize o conteúdo com as técnicas de SEO – para que as estratégias de comunicação sejam bem posicionadas no Google.

Além disso, é preciso atenção ao fato de que esse conteúdo deve agregar valor imediato à vida das pessoas que não sabem muito sobre o assunto e não conhecem sua empresa.

2. Engajar

O engajamento é uma das atitudes mais almejadas pelas empresas que trabalham com inbound. 

Como essa é uma estratégia na qual a comunicação é muito aberta com o público e o objetivo é promover uma conversa e não só entregar conteúdos, esse passo é importante para uma possível conversão.

Ao abordar um tema, é preciso destacar quais são os tipos de manutenção e reparos que mais se encaixam nesta condição.

Para esse caso, você também pode utilizar alguns recursos para solucionar o problema e incentivar a persona a evoluir na jornada de compra.

São exemplos:

  • Disponibilização gratuita de e-books em troca do endereço de e-mail;
  • Oferta de uma avaliação gratuita no automóvel usado;
  • Interação com o público por meio de campanhas de e-mail marketing;
  • Uso de Call to Action (chamada para ação) nos conteúdos.

Nesse contexto, você pode convidar a pessoa a receber conteúdos exclusivos do setor automotivo, como o passo a passo de uma regularização de CNH, as regras do Detran em relação à plotagem de veículos e outros assuntos que possam ser úteis.

Ao enviar a newsletter, utilizar gatilhos mentais e call to action para incentivar as pessoas a prosseguir para uma consultoria ou manutenção, disponibilizando cupons de desconto e outros benefícios claros, também é uma possibilidade para despertar o engajamento.

É preciso destacar neste ponto a necessidade de avaliar qual call to action é mais adequado à necessidade da sua persona e condizente com os objetivos e demandas do setor de engajamento de clientes e futuros clientes.

3. Converter

Como o nome sugere, a fase da conversão é fundamental, pois antecede a venda e deve ser analisada com muito cuidado para que esse objetivo seja alcançado.

Nesta etapa, crie conteúdos que tirem dúvidas e que indiquem sua oficina como a melhor da cidade para quem precisa de uma manutenção completa e segura em relação a um amortecedor automotivo e outras peças mecânicas.

Também pode ser interessante disponibilizar cupons de venda. Use técnicas de copywriter para acionar gatilhos mentais, crie senso de urgência e aproveite que a marca já ganhou a confiança nas etapas anteriores para que a persona avance na decisão de compra.

Lembre-se que o inbound analisa os sentimentos, inquietações, dores, dúvidas, dificuldades e perfil de compra. Por isso, saiba como usar uma linguagem persuasiva e empática nas estratégias de conversão.

4. Vender

Alguns estudiosos da área de marketing defendem que um cliente só é considerado um cliente quando teve a chance de ir para concorrência e mesmo assim escolheu a sua empresa.

O que isso ensina sobre o processo de vendas? Que a sua empresa deve construir uma imagem sólida de confiança, prestar serviços de qualidade e mostrar que é uma autoridade no nicho de mercado e pode oferecer tudo que o cliente precisa.

Em serviços mais complexos, o diferencial da venda não está no preço ou na propaganda direta, mas sim na forma como o seu time de vendas, atendimento e marketing trabalham duro para encantar o público.

Ao fortalecer ações de relacionamento, gerenciar crises de marca nas redes sociais, disponibilizar conteúdos que agregam valor e mostrar depoimentos de quem já passou pela sua oficina é um caminho que pode atrair a decisão de compra.

Não há nada de errado com a propaganda direta. Mas, o Inbound Marketing entende que hoje quem manda no processo de compra é o consumidor.

Por esse motivo, não há mais sentido vender um produto sem mostrar o porquê ele é o melhor. Para isso é essencial chamar a atenção para a qualidade a longo prazo.

5. Encantar

Um cliente pode amar ou odiar a sua marca. desde o primeiro contato. O princípio do inbound é promover encantamento, admiração e confiança nesse cenário.

Essa reputação no mundo online ou offline é conquistada com tempo e esforço. Saiba que produzir conteúdos que encantam, abordar a persona com uma linguagem legal e solucionar o problema com empatia e humanidade é a base para essa construção.

O encantamento não é função exclusiva do marketing. Contudo, ao produzir materiais relevantes, você pode utilizar (inclusive) técnicas de Storytelling para contar histórias, contextualizar o produto como uma solução e superar expectativas.

Agora que você sabe um pouco mais sobre o conceito, as etapas e formas de promover o inbound na sua empresa, fica a dica para planejar novas estratégias!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Planilhas Prontas em Excel

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome