Como usar uma Planilha de Custos no Excel

2
191

Querendo ou não, qualquer gestor de virtualmente qualquer área de gestão, precisa saber controlar custos. Nós ficamos mais preocupados com os custos, pois essa é a parte da gestão financeira que temos mais controle, visto que não temos como interferir nos desejos dos clientes de maneira direta. Apesar de existirem muitas aplicações diferentes dentro da gestão de custos, vamos tentar agrupá-las em três grandes momentos de um negócio para não entrarmos em discussões menores como: custo de evento, custo de festa, custo de transporte, etc, pois isso deve ser específico de cada negócio:

a) Gestão Financeira Mensal

b) Orçamento Anual

c) Planejamento de Novos Investimentos

1) Gestão Financeira Mensal

planilha de custos

A gestão de fluxo de caixa é o primeiro passo nas finanças de qualquer negócio. Muitas empresas deixam o controle das contas a pagar e a receber sendo feito de uma maneira amadora e depois perdem a real noção da situação que se encontram. Uma boa planilha para controlar seus custos e recebimentos mensais deve ter:

Planilha de Fluxo de Caixa em Excel

2) Orçamento Anual

modelo de orçamento

Outra maneira de olhar os custos é vendo um cenário mais amplo do que a mera gestão diária ou mensal. Sendo assim, a criação de um orçamento anual também se faz necessária para dar uma referência mais sólida às metas operacionais. De modo geral, um bom orçamento deve ter:

  • Um histórico de gastos passados
  • Um acompanhamento de previsto vs realizado (aprenda mais neste link)
  • Gráficos de variações para facilitar a análise

Veja mais da planilha de orçamento aqui!

3) Planejamento de Novos Investimentos

Planilha de Estudo de Viabilidade Econômica

Por fim, a última maneira de gerir custos é realmente planejando qualquer novo investimento. Isso quer dizer fazer uma boa cotação de preços, além de projetar cenários diferentes. Neste ponto, o que deve ser combatido é o otimismo, pois ninguém pensa em fazer um investimento sem achar que ele vai ser bom! Um bom planejamento de investimento deve ser feito com:

  • Levantamento rigoroso de custos
  • Cotações com pelo menos 5 empresas para os principais custos
  • Projeções baseadas em históricos com referências de mercado
  • Diferentes cenários
  • Gráficos que facilitem análise e mudanças
Planilha de Estudo de Viabilidade Econômica
Planilha de Estudo de Viabilidade Econômica

Você tem outros tipos de custos que não estão inclusos nesse post? Deixe seu comentário que lhe ajudaremos!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorPlanejamento Financeiro Completo
Próximo artigo5 dicas para organizar a locação de equipamentos
Leandro Borges

Leandro começou a vida profissional prestando consultorias centenas de pequenas empresas em todo o Brasil e foi professor em instituições como SEBRAE, Vale, Souza Cruz, FIRJAN, COPPE e FGV. Hoje, é encantado pelas facilidades que o Excel traz para a gestão empresarial e quer levar essa maravilha para o Brasil e o Mundo!

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome