Missão, Visão e Valores: o que são e como fazer valer?

0
528
Missão, Visão e Valores

Missão, Visão e Valores são componentes da identidade organizacional de uma empresa. Representam a essência, os sonhos e os princípios sobre os quais ela é regida e geralmente são definidos no processo de planejamento estratégico.

Voltar para:
O que é e como fazer planejamento estratégico?

Veremos nesse artigo:

O que são Missão, Visão e Valores?

Na teoria da administração estratégica, a qual eles fazem parte, tudo parece muito bonito e muito importante, já na prática nem tanto. O uso da missão e dos valores geralmente não passa de papéis bonitos impressos com palavras politicamente corretas emoldurados nas paredes das empresas. Com zero aplicabilidade no dia a dia da gestão. A visão é muitas vezes confundida com metas.

Planejamento Estratégico

Alguns gestores já me disseram que esta etapa do planejamento estratégico de uma empresa “é coisa de empresa grande” ou que “é teoria demais, não é prioridade”. Eu posso te garantir que se você pensa assim, é porque está fazendo algo errado em termos de estratégia. Além disso, é justamente por terem se preocupado com cultura organizacional quando pequenas que empresas ficam grandes.

Planilha de Planejamento Estratégico

A única certeza sobre uma empresa pequena que se preocupa apenas em fechar o caixa todos os dias é que ela nunca vai ser uma empresa grande ou memorável. Se identificou? É só manter a calma. Ainda dá tempo para mudar. Leia esse post até o fim e decida por você mesmo se vale a pena separar um tempo para pensar seriamente em missão, visão e valores.

Primeiro, vamos a algumas definições.

A Missão de uma empresa

Apesar do nome, a missão nada tem a ver com uma meta da empresa. Ela tem mais a ver com essência, propósito, razão de existir. Ela está mais ligada a uma busca incessante que nunca deixará de fazer sentido do que propriamente com uma missão que pode ser conquistada e o herói pode voltar para a casa e se “aposentar”.

A missão ideal deve ser um texto simples e pequeno, fácil de decorar, de apenas uma frase que exponha de maneira inspiracional a razão para a empresa existir. Responda as seguintes questões:

  • Por que a empresa existe?
  • Quem ela quer ajudar?
  • Como ela pretende fazer isso?

Alguns exemplos:

LUZ: Queremos desenvolver a gestão das empresas através das melhores ferramentas.

IKEA: Criar um dia-a-dia melhor para as pessoas.

American Express: Trabalhamos pesado todos os dias para fazer da American Express a marca de serviços mais respeitada do mundo.

Facebook: Dar as pessoas o poder de compartilhar e fazer do mundo um lugar mais aberto e conectado.

Missão do Facebook

Microsoft: Permitir que pessoas e empresas em todo o mundo realizem todo o seu potencial

A Visão de uma empresa

A visão é o sonho. É algo grandioso demais para ser considerada uma meta. Imagine aquele ponto onde, se você chegar um dia com a sua empresa, tudo terá valido a pena. Esta é a sua visão. Ao contrário da missão, a visão pode ser renovada ao longo dos anos. Mas é recomendável que se pense bem no longo prazo ao pensar na visão.

Você quer ser o maior do Brasil? Do mundo? O mais conhecido? O que possui mais prêmios? Qual é o sonho que você tem e pode ser compartilhado com as demais pessoas da empresa?

Alguns exemplos:

LUZ: Ser o maior marketplace de produtos digitais do Brasil

Vale: Ser a empresa de recursos naturais global número um em criação de valor de longo prazo, com excelência, paixão pelas pessoas e pelo planeta.

Arcor: Ser a empresa nº 1 de guloseimas e biscoitos da América Latina e consolidar a participação no mercado internacional.

A sua visão não precisa ser tão ambiciosa quanto ser “a marca global número 1 no segmento”. Mas por que não sonhar em ser a mais conhecida do bairro? Ou a mais popular entre a terceira idade? Tudo vai depender da missão.

Planilha de Planejamento Estratégico

Os Valores de uma empresa

Os valores são os princípios buscados nos colaboradores e propagados pela empresa para desenvolver sua missão. Valores nada significam se não forem ilustrados com ações. A maioria das empresas costuma divulgar meras qualidades que não significam nada como valores.

Por exemplo, uma empresa que busca funcionários proativos, que é um termo que está mais na moda. Ela realmente sabe o que é ser proativo? Se este colaborador tiver uma iniciativa para se precaver de um problema sem se preocupar com hierarquia, essa ação será premiada? Se não, esta empresa não busca proatividade.

Estrutura organizacional

Como definir a identidade organizacional

Eu acredito que, para uma empresa, é melhor ser incrível para um pequeno grupo de pessoas e desenvolver esse grupo, do que ser apenas boa para todas as pessoas. Uma empresa que é boa para todos está sujeita a concorrência, caso apareça um produto bom a um custo razoável. Empresas incríveis para pequenos grupos conseguem clientes fiéis que dificilmente a trocarão.

Algumas empresas nascem em torno de uma missão. Essas já possuem um grupo de pessoas bem definido e tendem a desenvolver a cultura automaticamente. Não há um grande desafio. Apenas traduzir em palavras aquilo em que você já acredita e propaga.

Mas a grande maioria nasce em torno de um produto ou de uma atividade comercial. Essas empresas conseguem se virar bem no início, mas enfrentam problemas mais a frente, justamente por não oferecer nenhum diferencial para ninguém (clientes e colaboradores). A melhor forma de vencer essa barreira é iniciando um trabalho sério de construção de cultura.

Tem um vídeo do Simon Sinek, referência mundial em liderança, que mostra como grandes líderes inspiram ação através do propósito: Simon Sinek – TED Talks.

Golden Circle

E qual é a Missão da minha empresa?

Por mais que você tenha começado o seu negócio para fazer renda extra ou para conseguir maior independência, existe alguma história que o seu produto conta que você tem tesão em replicar e propagar.

Você pode ter um restaurante e ficar feliz de ver famílias reunidas comemorando. Ou pode gostar de ver jovens se conhecendo ou curtindo. Os dois restaurantes serão diferentes um do outro. Você pode ter um salão de beleza e gostar de ajudar mulheres mais velhas a se sentirem mais vivas. Ou você pode gostar de preparar pessoas especificamente para eventos. Também serão dois negócios diferentes.

A única certeza que eu tenho é que não dá para ser incrível para todos. Escolha um desses públicos. Não significa que você vai recusar os outros, mas todas as suas decisões serão pensadas priorizando o escolhido.

Um exercício interessante de fazer é conversar com os seus clientes. Tente ouvir a história que o seu produto conta. Por que ele foi comprado? Qual era o objetivo por trás do consumo? A sua missão deve se desenhar através disso.

Planilha de Planejamento Estratégico

A partir daí, crie uma frase curta e fácil de entender que transmita essa história e comece a leva-la a sério como se fosse um mantra. O segundo passo é contratar apenas pessoas que tenham o mesmo tesão que você em propagar essa história.

Se você tem um salão de beleza, pessoas apaixonadas por moda e estética. Para um restaurante de comida vegana, apenas veganos. Existe uma história do aplicativo de hospedagens AirBnb que, quando eles perceberam que o negócio deles não era a hospedagem em si, mas criar uma grande comunidade de anfitriões, eles passaram a contratar apenas pessoas que gostavam de receber outras pessoas em casa. E esse era o ponto principal do processo seletivo.

Salão de Beleza

Na LUZ, por exemplo, nós queremos desenvolver a gestão das empresas. O que significa que todas as ferramentas que nós lançamos e todas as nossas decisões estão ligadas a isso. Nós só contratamos pessoas que sejam apaixonadas por empreendedorismo e que tenham tido alguma experiência nesse sentido, mesmo que amadora.

Como definir a visão?

O exercício de desenvolver uma visão é bem complicado, pois o ideal é que se consiga encontrar algo que toda a empresa consiga sonhar junto. Muitas vezes o dono da empresa se queixa que a equipe não tem muito interesse no crescimento da empresa.

Se é o seu caso, faça uma reflexão interna. O que os seus colaboradores ganham hoje com o crescimento da empresa além de mais responsabilidade? Você tem remunerado esta responsabilidade a mais? Há uma política de “promover” os funcionários mais capacitados e/ou mais leais com participação nos lucros? Há promoções internas para cargos gerenciais ou você sempre contrata gente de fora? Você realmente está se preocupando com o crescimento profissional da sua equipe?

Se as suas respostas para esses pontos são negativas, dificilmente você terá uma visão funcional que motive a todos. Pense em formas de fazer com que a sua equipe enxergue crescimento de uma forma positiva. Aí sim pense na visão.

A visão é aquele sonho que mudaria a sua empresa de patamar. Não em termos de crescimento apenas, mas de realização. Já vi agências que tinham como visão ganhar prêmios conceituados no meio do marketing. Marcas de moda que tinham como sonho participar da São Paulo Fashion Week. Também já vi pequenos produtores que, tudo o que queriam, era conseguir entregar para o Brasil inteiro um dia.

Planilha de Planejamento Estratégico

Como definir valores para a minha empresa?

Como eu já até expus antes, acho que a era dos valores como lista de qualidades estáticas acabou. É muito comum você ver na parede de uma empresa:

Nossos valores:
Ética
Comprometimento
Proatividade
Pontualidade

Ok. Esses supostos valores não tornam nenhuma empresa especial. Se ela não pregar ética, não pode nem existir, por exemplo. Acredito em valores como ações. Por exemplo, como eu falei aqui a LUZ é uma empresa apaixonada por gestão e tenta propagar o empreendedorismo. A proatividade de fato é uma característica que faz parte da mentalidade empreendedora. Mas o que ela significa em vias praticas?

Proatividade

  • Para os colaboradores:
    • Quando um cliente apresentar um problema, deve-se tentar resolver, mesmo que não seja sua responsabilidade.
    • Buscar e implementar ferramentas que tornem o seu trabalho mais produtivo sem precisar consultar gestores.
    • Ter liberdade de tomar iniciativas que agradem um cliente sem precisar de autorização.
  • Para os gestores:
    • Não punir colaboradores que cometam erros tentando consertar um problema da empresa de forma proativa.
    • Valorizar e premiar ações de iniciativa própria.
    • Não impor metas, mas definir juntamente a equipe.

A sua proposição de valores deveria ser composta de qualidades e características desejáveis e uma lista de ações incentivadas e proibidas para cada uma delas. A partir das listas, você terá um norte melhor para montar o time que levará a empresa a visão.

Como escalonar Missão, Visão e Valores

Imagine duas empresas. As duas produzem e vendem alimentos orgânicos. A primeira tem em sua equipe pessoas que comem de tudo, não ligam para aditivos. Mas são bons em finanças, vendas, etc. Já a segunda também tem pessoas competentes, mas o ponto interessante nela é que toda a equipe ama produtos orgânicos. E eles já consumiam e propagavam estes produtos antes de entrar na empresa.

Feira Orgânica

Qual das duas empresas você acha que produzirá, venderá e atenderá os clientes com mais zelo? Na hora de contratar, se um possível candidato não tiver sinergia com a missão da empresa, a entrevista de emprego não precisa nem acontecer.

O segundo papel importante da gestão de pessoas na cultura da empresa é criar um ambiente que estimule os valores da empresa. A partir disso, criar uma estrutura de contratação que busque, teste e valide esses valores.

Se você conseguir montar um time coeso em torno de uma missão, posso garantir que metade do caminho estará andado.

Boa sorte!

Planilha de Planejamento Estratégico

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, digite seu nome