Como montar uma Sorveteria?

0
903
Como montar uma Sorveteria
Planilhas Prontas em Excel

Se você é um apaixonado por sorvetes, possivelmente em algum momento de sua vida você entrou em uma sorveteria, olhou para aquele ambiente colorido, com tantas pessoas alegres e os mais variados sabores gelados e pensou: “eu poderia fazer isso!”.

E por que não? Você será seu próprio patrão e seu carro-chefe será amado por você e por toda sua comunidade. Além disso, a crescente apreciação de sorvetes premium e artesanais tem aberto novas oportunidades no mercado.

No entanto, como acontece com toda e qualquer empresa, o amor pelo produto final não significa necessariamente que você vai adorar trabalhar com isso. Então, vamos conhecer todos os prós e contras de como abrir uma sorveteria, para ajudá-lo a ter sucesso em seu negócio.

Como montar uma Sorveteria

O que é uma Sorveteria?

Uma sorveteria ou gelateria é um estabelecimento que produz e/ou comercializa sorvetes/gelatos. Você pode produzir seus próprios sorvetes ou então pode simplesmente revender o produto de outra indústria.

O sorvete pode ser servido em casquinhas, cascões, copos e inúmeras outras embalagens. Você também pode escolher entre servir cada cliente individualmente no balcão, ou oferecer um sistema de buffet self-service, em que o consumidor se serve e, ao final do buffet, paga pelo peso consumido.

Além disso, algumas sorveterias oferecem outras opções de produtos, como sobremesas elaboradas com o produto (sundaes, banana split, milk shakes etc.), outros doces (como tortas e brigadeiros), bem como cafés, sucos e outras bebidas.

Como montar uma Sorveteria

Produtos e suas características

O sorvete é basicamente uma sobremesa gelada à base de leite ou nata, que pode ser produzida nos mais variados sabores, dependendo dos demais ingredientes que serão adicionados à receita, tais como frutas, chocolate, essências, entre outras. A maior parte deles contêm açúcar, aromatizantes e corantes.

O sorvete, em geral, contém diversos nutrientes, tais como proteína, vitaminas A, D, E, K e do complexo B, e cálcio, e já faz parte da alimentação dos brasileiros.

Especula-se que ele tenha origem na China, há mais de 3 mil anos. Mas foi no finalzinho do século XIII, na Itália, que nasceu o sorvete parecido com o que conhecemos hoje. Aqui no Brasil, ele chegou somente em 1834, no Rio de Janeiro.

Como montar uma Sorveteria

Vantagens e Desvantagens

Talvez a maior desvantagem de se ter uma sorveteria seja a sazonalidade do negócio. Em alguns lugares do Brasil, especialmente no sul do país, você terá bastante movimento durante os meses mais quentes do ano, o que se restringe, às vezes, a menos da metade dos dias.

Isso significa que você precisará ganhar dinheiro em cerca de cinco meses, pagando aluguel o ano inteiro. Por isso, você precisará fazer seu negócio ser extremamente eficiente e rentável no verão, e manter uma operação mais enxuta e eficaz nos meses mais frios.

No entanto, dependendo da região geográfica onde você pretende instalar sua sorveteria, essa sazonalidade pode não fazer o mínimo sentido para você, especialmente se você mora nos estados do Norte e Nordeste do Brasil. Aí, nesse caso, a sua vantagem é justamente morar num país tropical, com calor o ano inteiro!

Outra vantagem da sorveteria é que você pode começar seu negócio de maneira mais modesta, e ir ampliando conforme a necessidade. Assim, de início, você não precisa investir um grande capital, e pode ir testando o mercado, para verificar a possibilidade de aumentar sua empresa.

Como montar uma Sorveteria

Desafio do Mercado

O grande desafio do mercado de sorveteria se chama Inovação. A concorrência no mercado de sorvetes é bastante acirrada, especialmente porque não se resume a um tipo específico de estabelecimento.

Você poderá concorrer com sorveterias de grande porte e grandes marcas, com boutiques de gelatos italianos, com a sorveteria do bairro, o mercado, as redes de fast food, o caminhão de sorvete, o carrinho de picolés e até com estabelecimentos que vendem similares, como açaí ou frozen yogurt.

Por isso, o seu foco é oferecer um diferencial, algo que faça com que o seu cliente escolha você sobre os demais concorrentes. Isso pode ser uma equipe empenhada e criativa, uma sorveteria de local frio que proporcione cafés e chocolates no inverno, uma diversificação maior de sabores, com ampla rotatividade, para que seu cliente encontre novas opções e não “enjoe” das suas opções, além de inúmeras coberturas e acompanhamentos.

Porém, mais do que isso, o mercado também vem exigindo qualidade no quesito valor nutricional. As pessoas estão se mostrando dispostas a pagar mais por um produto que seja melhor.

A mudança nos hábitos de consumo da população tem estimulado o investimento em produtos mais saudáveis, com menos açúcar, por exemplo, ou produzido totalmente com ingredientes naturais. Além disso, demandas de dietas restritivas, como produtos sem glúten, sem lactose ou veganos também merecem atenção.

De qualquer forma, é claro que nada disso adianta se não forem observados os cuidados básicos para o sucesso de sua sorveteria – e de qualquer outra empresa: qualidade da mercadoria, pontualidade na entrega, preço justo e bom atendimento.

Como montar uma Sorveteria

Capital Inicial Estimado

Como qualquer outro negócio, o investimento inicial para sua sorveteria dependerá do tamanho do estabelecimento, do fluxo de pessoas atendidas, da quantidade e variedade de mercadorias ofertadas e, inclusive da posição geográfica onde ela será instalada.

Também será preponderante a escolha do tipo de negócio, ou seja, se sua empresa se trata de uma pequena indústria produtora de sorvetes, de uma revenda de outra marca ou mesmo de uma franquia, apenas para citar alguns.

Para uma sorveteria de cerca de 40m², o Sebrae estima que sejam necessários entre 60 e 65 mil reais de capital inicial. Esse valor incluiria mobília, capital de giro e matéria-prima inicial.

Como abrir uma Sorveteria (passo a passo)

Estrutura necessária

Primeiro de tudo, decida que tipo de negócio você quer ter. É uma sorveteria independente? Artesanal? Revenda? Franquia? É uma fábrica de sorvetes?

Um pequeno ponto de venda pode ser em uma loja de 35 m², com balcão de sorvetes, mesas e cadeiras e sanitários.

Um buffet de sorvetes exige uma estrutura de self-service completa, semelhante a um buffet de comidas, porém refrigerado.

Uma fábrica exige um espaço maior, com uma área de produção, armazenamento, embalagem e transporte. Tudo atendendo rigorosamente as leis sanitárias vigentes.

Verifique, portanto, o seu modelo de negócio para determinar a estrutura inicial necessária. O Sebrae de sua região pode ajudá-lo com isso.

Como montar uma Sorveteria

Localização ideal

Para você decidir onde colocar sua sorveteria, também vai depender de seu modelo de negócio. Por exemplo, se você quiser ter um caminhão de sorvetes, pode simplesmente passear por onde quer que haja grandes populações, especialmente crianças.

Já se você estiver abrindo uma loja, certifique-se de estar em uma área com bom tráfego, alta visibilidade, muita iluminação e fácil acesso para entrar e sair do estacionamento e da loja.

No entanto, não esqueça que você precisa de um local que se ajuste ao seu orçamento. Você pode pensar que uma localização no centro da cidade é a melhor opção para uma sorveteria, devido às toneladas de pessoas para parar só porque viram sua vitrine.

Porém, se você estiver em uma região cuja sazonalidade é preponderante, não se esqueça de que, estando no centro da cidade, pagará o aluguel durante o ano todo, inclusive quando talvez não receba clientes.

Pode valer a pena pesquisar as áreas que recebem mais pessoas no verão, perto de parques, áreas abertas e zonas esportivas, que talvez ofereçam uma taxa comercial mais barata devido ao menor tráfego no inverno. Faça sua matemática quanto a isso.

Como montar uma Sorveteria

Principais Fornecedores

Sua rede de fornecimento também varia de acordo com o seu tipo de estabelecimento. Se você for uma franquia ou encomendar seus sorvetes de um distribuidor, seu principal fornecedor será justamente o distribuidor vinculado.

Além do sorvete propriamente dito, você precisará de insumos como casquinhas, banhos, coberturas e guloseimas, bem como descartáveis como embalagens, guardanapos e pás ou colheres.

Para fabricação, você precisará de equipamentos de produção e toda a matéria-prima, como leite, ovos, glicose, frutas, essências, gordura, açúcares, aromatizantes, corantes, emulsificantes, entre outros.

Como qualquer outro negócio, não cometa o erro de escolher seus fornecedores somente pelo preço. Lembre-se que a fidelidade de seus clientes é conquistada pela qualidade de seu produto.

Então, avalie o melhor custo benefício, observando procedência, prazos de entrega, condições de pagamento, acondicionamento e transporte. E não se esqueça: tenha sempre mais de um fornecedor de cada tipo como parceiro. Depender de apenas um pode ser arriscado para seu negócio.

Como Abrir uma Empresa

Caso você queira que a sua loja receba o dinheiro e emita nota fiscal, você deverá abrir a sua empresa legalmente. Você também pode ler um passo a passo sobre abertura de empresa. Aqui vamos aproveitar para listas os principais pontos:

  1. Criação do Contrato Social
  2. Registro na Junta Comercial
  3. Emissão do CNPJ e Escolha de Atividade
  4. Inscrição Municipal e Estadual
  5. Alvarás de Funcionamento
  6. Licenças

Dicas Especiais para Novos Negócios

Começar um novo negócio não é só conseguir colocar produtos à venda. Como demonstrado, abrir uma sorveteria não é muito complicado. No entanto, apenas aqueles que encararem sua sorveteria como um negócio completo, conseguirão sobreviver e lucrar. Por isso, vou listar abaixo algumas dicas especiais para quem quer realmente empreender.

1) Defina um Segmento de Clientes BEM ESPECÍFICO

Não existe nenhum negócio bem-sucedido que não definiu bem a sua área de atuação e o seu cliente alvo. Não caia no erro de falar “Todos são meus clientes”, pois isso é o começo do fim. Mergulhe nesse tema lendo nosso post de segmentação de mercado.

Como montar um Salão de Beleza

2) Crie uma Diferenciação (Especialidade)

Ao se definir um segmento específico, você vai conseguir mexer na sua oferta de valor, entregando algo único e memorável. Para isso, recomendo que você desenhe seu modelo de negócio e também faça a sua curva de valor! 

3) Calcule o Retorno Esperado do seu Negócio

“Quem não faz a conta, paga a conta.” Essa é uma máxima do mundo dos negócios. Sem estimar o seu retorno desejado e o que potencial sua sorveteria pode trazer, você vai ficar à deriva. Para isso, você vai precisar precificar muito bem seus produtos e fazer um estudo de viabilidade econômica do seu projeto.

Como montar uma Sorveteria

Planilhas para Sorveteria

Planilha para fabricação de sorvete: Planilha para uso de controle da fabricação própria, com seus devidos custos. Você terá acesso a relatórios anuais e pesquisas mensais das quantidades e valores destinados por categorias, bem como, gráficos e rankings de toda sua produção.

Planilha de Gestão e Custos de Restaurante: Faça a gestão completa de sua sorveteria, desde o cadastro de insumos, gestão de compras e pedidos até o controle financeiro e de estoque.

Planilha de Gestão de Compras: Crie um orçamento, liste todos os produtos que precisa comprar por categoria e preço médio, e tenha o resultado automaticamente.

Planilha Fechamento de Caixa Diário: Faça o lançamento de vendas diárias por bandeiras de cartões, com gráfico no final e porcentagens.

Planilha de Prime Cost: Conheça o seu Prime Cost (ou custo primário), um dos principais índices de desempenho operacional para sorveterias e restaurantes. Com ele você descobre facilmente se está mantendo custos com mercadorias e com mão de obra controlados ou se precisa reavaliar sua gestão financeira.

Planilhas Prontas em Excel